Crime ocorreu na noite desta terça-feira (12). Mulher da vítima diz que grupo criminoso fazia ameaças.

O apontador de obras Ebraim Bezerra da Silva, de 39 anos, foi morto com um tiro no coração, na noite desta terça-feira (12), na rua Severino Israel de Lira, no conjunto Jequitibá, em Rio Branco.

Um parente da vítima, que não quis se identificar, contou que Silva estava sozinho em casa quando foi assassinado. Conforme a polícia, a mulher que registrou no boletim de ocorrência disse que a vítima estaria sofrendo ameaças de um grupo criminoso.

Além disso, a esposa ainda afirmou, no registro da ocorrência, que Silva já cumpriu pena por prática de assaltos.

“Mas, de fato a gente não sabe o que aconteceu. E a gente também tem medo de falar porque não sabemos quem fez isso”, informou o familiar que foi ao Instituto Médico Legal (IML) para fazer o reconhecimento do corpo.

Do G1 Ac