Líder do governo na Assembleia pede ajuda para orientar deputados da base

Os deputados da base de sustentação se reuniram ontem com a equipe de governo para traçar as estratégias de ação na Assembleia Legislativa.

A reunião foi coordenada pelo chefe da Casa Civil, advogado Ribamar Trindade a pedido do líder do governo, deputado Gerlen Diniz (PP). É o primeiro sinal claro de que o líder está preocupado com uma articulação política eficiente para não perder o jogo para oposição. Essa semana será decisiva a batalha que vai definir a provação do nome de Alércio Dias para o Acre Previdência, o decreto de cotações de 75% para empresas fora do Estado, além das composições das comissões permanentes.

O novo coordenador político do governo, Ney Amorim, chegou ontem à noite e deverá se integrar a equipe ainda hoje.

Gostando ou não Ney Amorim é muito eficiente nas negociações políticas.

Se for atuar na mediação entre o governo e a Assembleia Legislativa, com certeza, os resultados serão promissores.

Ex-deputado federal Chicão Brígido avisando a coluna de que, com a nomeação de Ney para a articulação política, acabou a tão propalada “despetização” no governo.

Está tudo em casa, o Acre é pequeno e tudo é parente!

Quem tem parente à beça é Jaminawa.

Povo que conheci na minha infância que prezo e respeito muito!

Voltando à política, o Ministério Público Estadual não compareceu à audiência pública realizada pela Câmara Municipal para tratar da contaminação do açaí.

De acordo com o proponente do evento, vereador Artêmio Costa (PSB), o resultado foi positivo e os encaminhamentos serão feitos.

Já o vereador Rodrigo Forneck (PT) deu outra dentro ao afirmar que a solução do problema tem que ter a participação do governo, já que a produção vem dos municípios do interior.

Rio Branco, ao que consta, mais consome do que produz.

Só lembrando que a única deputada do MDB a participar da reunião no Gabinete Civil foi Antônia Sales.

O deputado Roberto Duarte chegou de Brasília ontem à noite e Meire Serafim estava em Sena Madureira!

Uma fonte palaciana disse que, “o governo ainda não conta com os dois”.

Vejo a notícia de que a prefeitura de Brasiléia está concluindo a operação tapa buraco no inverno.

Querendo, dá!

Jorge Viana, Raimundo Angelim e Marcus Alexandre (no primeiro mandato) tapavam buraco debaixo de chuva.

A fumaça do asfalto quente subia na rua!

Nas principais ruas da cidade Jorge Viana ( quando prefeito) tapava os buracos à noite para não atrapalhar a vida dos cidadãos.

Coisa do passado!

Reeleição acaba com a vida de qualquer ser humano à frente de um governo seja ele federal, estadual ou municipal.

É cruel!

O problema é que o poder é doce no começo, amargo no final.

Os parlamentares que faltarem as sessões tanto na Câmara como na Assembleia o ponto cortado.

De novo essa conversa mole!

Duas horas, durante três dias por semana não é muito para suportar as sessões.

Existem faltas justificáveis!

Outras é impossível como, por exemplo, ficar assistindo o Chaves pelo SBT em casa.

Outra coisa: essa legislatura deveria acabar com sessões solenes nos dias de sessões ordinárias.

Como diz uma antiga servidora da Casa do Povo:

“É pura bucha”!

Vice-governador major Rocha (PSDB) de volta ao Estado.

Isto quer dizer que a chapa vai esquentar, mas não derreter.

A dengue explodiu!

A prefeitura precisa correr atrás do prejuízo para evitar uma epidemia.

Alguns gestores públicos só dão valor a imprensa quando saem dos mandatos, quando Inês é morta.

A Secretaria Municipal de Saúde vacilou ao não avaliar que a dengue poderia voltar com muita força nesse inverno.

Com a dengue não se brinca!

Ela vem comendo pela borda!

Eu sei que jaboti não sobe em árvore, mas tem um na forquilha!

Encontro dona Zefa a caminho do Pronto Socorro com o neto abarrotado de bicho de pé.

Mulher, vai em um posto de saúde, o PS é só urgência e emergência.

Mas, me disseram…

Que disseram nada, vai por mim!

3 de Julho Entrevista 14ª Edição

Veja a Entrevista com o Vereador Jurandir Queiroz: Assista agora a entrevista com o suplente Jurandir Queiroz que assumirá a Vereança em breve, onde passará a ser o novo Vereador do Município de Brasiléia. Na entrevista Jurandir conta como iniciou sua trajetória política e vários outros assuntos.

Veja a entrevista com o Secretário de Agricultura Zé Gabriele.

Secretário de Agricultura Zé Gabriele esteve em Rio Branco buscando parcerias para assistência técnica para Produtor Rural. O Secretário busca capacitar os Produtores rurais para que a agricultura no município tenha um resultado melhor.