Alberto Patrício Pereira foi preso na manhã desta quarta (20) no bairro Valdemar Maciel. Ele era procurado pela morte de José Veras Júnior, que morreu dentro de uma igreja em abril.

Material foi apreendido com Alberto Patrício Pereira nesta quarta (20) (Foto: Divulgação/Polícia Civil do Acre)

Alberto Patrício Pereira, de 25 anos, é o principal suspeito de matar José da Costa Veras Júnior, em abril deste ano, no bairro Calafate, em Rio Branco, segundo a Polícia Civil. Pereira foi preso no bairro Valdemar Maciel pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), nesta quarta-feira (20). 

A vítima morreu dentro de uma igreja após ser atingida por ao menos seis disparos de arma de fogo. Na ação, um outro homem ficou ferido.

Com o suspeito, a polícia disse que aprendeu uma arma do mesmo calibre utilizada para a matar Júnior. Além dessa arma, Pereira tinha luvas e máscaras, que a polícia acredita que eram usadas para praticar crimes.

“Foi cumprindo mandado de busca e apreensão na casa do principal suspeito e lá se concretizou aquilo que foi apurado nas investigações. Foi apreendida uma motocicleta de cor preta, além de outros objetos ilícitos como balaclava, luvas, entorpecentes e indicativos de que ele participe de organizações criminosas”, explicou o coordenador da DHPP, delegado Rêmulo Diniz.

Diniz afirmou ainda que as investigações continuam para saber qual a motivação do crime, mas a principal suspeita é que tenha sido briga entre facções criminosas. A polícia divulgou ainda fotos do suspeito exibindo uma arma, que pode ter sido a mesma usada no crime.

3 de Julho Entrevistas 6ª Edição

Veja nesta entrevista o Gerente regional do Sebrae, Jorge Saad, explicando as principais ações do Sebrae durante o primeiro semestre e quais foram as principais atividades do Sebrae voltadas para o agronegócio, indústria e comércio, Curta a nossa página do Facebook e se inscreva no nosso canal do YouTube e lembre-se de ativar as notificações clicando no sininho.

Por Aline Nascimento, G1 Acre