A mulher, que 51 anos de idade, recebeu voz de prisão e presa em flagrante delito pelo crime de tráfico internacional de drogas e associação ao tráfico.

O trabalho de fiscalização realizado pelos agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) na BR 317, os levou a impedir que mais uma mula tentasse chegar no centro do Brasil, com uma carga de entorpecentes enrolada nas pernas quando foi descoberta.

Segundo foi informado pelos agentes, o trabalho de rotina de fiscalizar táxis lotação, chamou atenção de uma mulher de origem peruana que não teve seu nome revelado. Os policiais, souberam que ela vinha da cidade de Lima, capital do Peru, tendo como parada final, o estado de Rondônia.

Em conversa com os policiais, a mesma demonstrou nervosismo em excesso e entrou em contradições. Foi quando resolveu confessar que estaria transportando cloridrato de cocaína, cerca de um quilo em suas pernas. O transporte iria ser pago após ser entregue no destino final.

A mulher, que tem 51 anos, recebeu voz de prisão e presa em flagrante delito pelo crime de tráfico internacional de drogas e associação ao tráfico.

A mesmo foi conduzida para a delegacia da Polícia Federal na cidade de Epitaciolândia, onde seria ouvida e encaminhada para o presídio federal na Capital na próximas horas, ficando a disposição da Justiça acreana.

Por Alexandre Lima / oaltoacre