Taxista sobrevive após se envolver em acidente grave com carreta e caminhonete na cidade de Capixaba. Táxi ficou destruído após colisão com carreta próximo ao município de Capixaba.

Um taxista Darc Paulo Franco, de 28 anos, sobreviveu após se envolver em um acidente grave na noite desta sexta-feira (23), na BR-317, próximo ao município de Capixaba, interior do Acre.

O táxi que o motorista dirigia ficou totalmente destruído após a colisão com a carreta que vinha no sentido oposto e acabou tombando na pista. A informação foi confirmada pelo presidente do Sindicato dos Taxistas do Acre, Esperidião Teixeira.

Teixeira informou que o taxista passou por cirurgia e está em observação no Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (Huerb). Ainda segundo o presidente do sindicato, o motorista levava quatro passageiros no momento do acidente.

A mulher do taxista, a sargento dos Bombeiros, Márcia Gonçalves Freire, de 36 anos, informou que o marido levava duas pessoas no momento do acidente e que um dos passageiros também ficou ferido e precisou passar por cirurgia, após apresentar hemorragia interna.

“A situação do passageiro já está estável e meu marido segue internado, mas também está bem. Foi imprudência de um carro velho, sem manutenção e sem sinalização, que estava parado no meio da pista e sinalizou com um galho de árvore.

Quando ele [Franco] viu o carro, já estava em cima, e aí jogou para a esquerda e vinha a carreta. Não estava em alta velocidade, se não, não tinha sobrado ninguém para contar a história”, contou a mulher.

Do G1 Acre