Bope apresenta balanço operacional do primeiro bimestre de 2018

O resultado ainda consta que 837 veículos passaram por procedimentos de abordagem policial, 98 munições foram apreendidas em ações operacionais, além da apreensão, também, de 5,8 quilos de entorpecentes.

Com o objetivo de manter a ordem pública e combater as ações delituosas que venham a ameaçar à paz social, o Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar intensificou as operações de caráter repressivo no início de 2018; resultante disso, a unidade militar realizou 161 operações que findaram na abordagem de 1.911 pessoas em atitude suspeita (entre elas 58 pessoas foram presas pelo cometimento de crimes), na apreensão de 19 armas de fogo, além  da apreensão e recuperação de 11 veículos roubados. 

O comandante do Bope, major Assis dos Santos, classificou o resultado como bastante positivo, visto o comprometimento da unidade para com a sociedade acreana, profissionalismo e empenho dos militares nas ações de enfrentamento ao crime. 

“Avaliamos os primeiros meses do ano como satisfatório, até então. Estamos com ações de combate intensivas às organizações criminosas, como a Longo Alcance, que nos trará indicadores eficazes do planejamento estratégico que elaboramos para a contenção da violência e, claro, manutenção da ordem”, frisou Assis.