Zen afirmou que promotor responsável pela ação contra a prefeita tem usado de dois pesos e duas medidas para fazer julgamentos.

O líder do governo na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado estadual Danien Zen (PT), usou a tribuna na manhã desta terça feira (27) para defender sua colega de partido, a prefeita do município Brasileia, Fernanda Hassem.

A prefeita vem sendo acusada pelo Ministério Público Estadual de enriquecimento ilícito, improbidade administrativa e de alugar prédios sem licitação pública e ainda de contratar servidores com duplicidade de contrato com o governo estadual.

Em defesa à prefeita, Zen disse que “um órgão como o MPE não pode atuar como um destruidor de biografias, que não dá sequer defesa ao acusado e, antes mesmo de notificar, já (sic) enlameia o nome da pessoa na mídia sensacionalista”.

Ainda em seu discurso, Daniel afirmou que o promotor substituto de MPAC em Brasileia, Aure Ribeiro Neto, responsável pela ação contra a prefeita Fernando Hassem, “tem usado de dois pesos e duas medidas para fazer julgamentos precipitados”.

Esse mesmo promotor anda de mãos dadas com o prefeito de Assis Brasil de um lado para o outro na cidade. Por sua vez, o prefeito tem a sua chefe da Casa Civil contratada pelo Estado. Esse mesmo prefeito de Assis Brasil está com três meses sem pagar o funcionalismo do município e nem por isso o MPE tem se manifestado em desfavor dele, como vem fazendo contra a prefeita de Brasileia”, finalizou o líder do governo na Aleac.