Brasileia sedia a primeira feira da cadeia produtiva do mel do Alto Acre. A feira do Mel é uma homenagem ao Alto Acre, Brasileia é a região com maior produção de mel do estado hoje.

A prefeitura de Brasileia sediou na sexta-feira, 24, na feira municipal Maria Florência a primeira Feira do Mel da Reserva Extrativista Chico Mendes, realizada pelo governo do Estado através da Secretaria de Extensão Agroflorestale Produção Familiar (SEAPROF), em parceria com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE).

O evento contou com a presença de diversos produtores de mel da Reserva Extrativista Chico Mendes que expuseram seus produtos, fecharam negócios e realizaram parcerias. Os investimentos do governo na cadeia do mel já beneficiaram mais de 800 pessoas, em todo o Acre, com a distribuição de mais de oito mil caixas de abelhas sem ferrão.

Para o governador Tião Viana, que esteve na feira, ver tantos produtores unidos e fortalecidos numa nova renda é motivo de orgulho para o estado. “Essa Feira do Mel é uma homenagem ao Alto Acre, porque Brasileia é a região com maior produção de mel do estado hoje. Um litro de mel pode chegar a R$ 100 e são as abelhas que fazem esse trabalho, nós apenas colhemos esse produto de extremo valor e saúde”.

Segundo o Morador da Reserva Chico Mendes, José Lima da Silva, da colocação Nova União, participar da feira do mel está sendo uma experiência muito boa e gratificante por poder estar vendendo sua primeira produção.

“Isso tudo é novo. É o meu primeiro mel, a primeira feira que eu participo e ta dando muito certo. Tirei quase 60 caixas lá em casa. É muito mel. Valeu a pena esse investimento e não vou parar tão cedo. Daqui um mês quero estar com 100 caixas, porque quero multiplicar esse resultado”, conta o produtor.

O representante do SEBRAE no Alto Acre, Jorge Saady, falou da importância da realização da primeira feira do mel na região. “Quando as equipes da Prefeitura de Brasileia e SEAPROF nos procuraram e apresentaram a ideia da feira do mel, de imediato abraçamos a causa e vimos que era o momento oportuno para formar a parceria, divulgar esse grande evento de incentivo à produção e fomento a economia local. Além de mobilizar os expositores de mel, conseguimos trazer também os expositores de artesanatos, vendedores de hortaliças e pessoas ligadas ao programa economia solidaria”, falou Jorge.

Defensora de políticas públicas para a região, a deputada Leila Galvão falou a respeito da feira: “Uma feira dessa dá visibilidade para que estes produtores tenham mercado e mostra o incentivo que o governo do Estado está dando, criando oportunidades para que o pequeno produtor possa ter uma melhor qualidade de vida”.

A prefeita Fernanda Hassem ressaltou os benefícios que a feira traz para os produtores. “Hoje estamos dando a devida valorização a esses produtores, que muitas vezes trabalham no anonimato dentro de suas comunidades, agregando valores aos produtos, padronizando para que possam ser comercializados, garantindo uma renda extra para o sustento da família. E esperamos que o mercado cresça ainda mais para eles e já vamos pensando para realizar a segunda ano que vem”, finalizou Fernanda.

 Veja o Vídeo 1 

 Veja o Vídeo 2 

  Veja o Vídeo 3