SINTEAC paralisou as atividades deste do dia 26 no município de Assis Brasil por falta de pagamento dos professores provisórios.

 Por Alemão Monteiro 

Um grupo de professores temporários realizaram um protesto na manhã desta sexta-feira e ocuparam o prédio da Prefeitura de Assis Brasil. Os profissionais estão com salário atrasado e deflagaram uma greve desde o início da semana.

Os professores temporários receberam apoio de vários professores do quadro permanente e da população local. O grupo caminhou por algumas ruas da cidade e foram até à sede da Secretaria Municipal de Educação para mostrar toda sua indignação com o descaso da atual gestão tucana.

Depois do protesto o prefeito da cidade, Antônio Barbosa do PSDB recebeu os representantes do SINTEAC para mais uma rodada de negociações.

O prefeito já havia prometida pagar os professores, mas não cumpriu com a palavra e agora tenta convencer os educadores a voltarem para sala de aula.