Agência foi arrombada nesta segunda-feira (1), em Manoel Urbano. Armas e cinco veículos também foram apreendidos durante ação.

A Polícia Federal prendeu, próximo ao município acreano de Bujari, a 22 km da capital Rio Branco, oito pessoas suspeitas de participação no furto a uma agência bancária no município de Manoel Urbano, distante 215 km da capital. O crime ocorreu na madrugada desta segunda-feira (1). Durante a ação, realizada em parceria com a Polícia Civil, os agentes também apreenderam armas e cinco veículos.

delegado_2De acordo com o delegado da Polícia Federal, Fábio de Paula, o dinheiro recuperado foi de, aproximadamente, R$ 400 mil. No entanto, as polícias ainda não contabilizaram o valor total furtado da agência.

“A partir do momento que soubemos que a agência foi arrombada e havia sido subtraído dinheiro dos caixas eletrônicos, a Polícia Federal foi acionada e, em conjunto com a Polícia Civil, foram feitas uma série de diligências, que culminou com a prisão de alguns envolvidos e a recuperação do dinheiro que foi subtraído da agência”, diz.

Ainda segundo o delegado, existe a suspeita de que o grupo esteja envolvido em casos de arrombamento também na capital. “Já vínhamos fazendo uma série de diligências visando identificar uns arrombamentos em Rio Branco, com a utilização de maçarico e agora vamos averiguar se essas pessoas estão envolvidas em outros arrombamentos”, acrescenta.

caixa-atendimento

Colaborou Lys Mendes, da Rede Amazônica Acre.