Casal precisou ser algemado, porque se recusava a parar ato libidinoso

(Fotos: Victor Viana)
(Fotos: Victor Viana)

O casal teve que ser separado à força pela Guarda Municipal. A Polícia Militar também foi chamada e algemou os protagonistas da cena que chocou quem passava pelo local, um ponto turístico do balneário. Eles foram encaminhados para a 127ª DP, onde foram autuados por ato obsceno em via pública.

Mesmo com a chegada dos agentes da GM, o casal se recusou a parar o ato, segundo testemunhas. O motorista Vidal Muchado, de 53 anos, registrou o episódio e contou que diversas pessoas presenciaram as cenas de sexo, inclusive crianças, já que o local fica próximo a uma escola municipal.

“Muitas crianças estavam saindo da aula. A feira também fica próxima de um pier de desembarque de transatlânticos e havia dois parados no momento em que eles estavam tendo relações. Os turistas acompanharam tudo e todos ali estavam abismados”, disse.

Os dois assinaram um termo de conduta na delegacia e foram liberados.