Em 2014 o governador Tião Viana esteve na Cooplac para acompanhar investimentos que viabilizam cadeia leiteira no Alto Acre 

Por Ana Paula Pojo

Foto: Gleilson Miranda/Secom
Foto: Gleilson Miranda/Secom

“Estamos há 10 anos colaborando com o desenvolvimento destas iniciativas, por meio da união dos sindicatos. Além do leite, já ocorre também a produção do queijo, e o próximo passo é a comercialização dos produtos”, contou o padre acentuando que por intermédio do governo do Estado e do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), o projeto conseguiu avançar em seu estágio.

Ceppi contou ainda que, o projeto é composto por cerca de 30 cooperados da Cooperativa de Produtores de Leite do Acre (Coplac). Os investimentos na cadeia produtiva na região vão desde a instalação de tanques de resfriamento de leite comunitário, numa transição do sistema tradicional estabelecido por lei, até cursos de capacitação ofertados aos produtores de leite.

Outros investimentos incluem a distribuição de ordenhadeiras mecânicas e implantação de queijarias e laticínios. “O objetivo do governo é melhorar cada vez mais a qualidade de vida das pessoas que querem incorporar tecnologias em seus negócios de maneira sustentável, além de oportunizar uma alternativa de renda aos produtores”, ressaltou Tião Viana.