Serginho Gois, ex-Náutico-RR, assumiu Papagaio da Fronteira há duas semanas e já enfrenta primeiro desafio, mesmo antes da estreia no Campeonato Acreano

Técnico Serginho Gois, do Alto Acre, lamenta momento difícil vivido pelo Papagaio da Fronteira (Foto: Duaine Rodrigues)
Técnico Serginho Gois, do Alto Acre, lamenta momento difícil vivido pelo Papagaio da Fronteira (Foto: Duaine Rodrigues)

O técnico Serginho Gois, ex-Náutico-RR, assumiu o Alto Acre, time do município de Brasileia, no interior do Acre, há quase 15 dias. E mesmo antes da equipe entrar em campo oficialmente na temporada, enfrenta o primeiro desafio. A cidade, que fica a 232km da capital, Rio Branco, foi atingida por uma enchente na última semana, causada pelo alagamento do Rio Acre. Como resultado da tragédia, o clube perdeu tudo: da sede a materiais esportivos, equipamentos eletrônicos e até mesmo a documentação dos jogadores. Segundo o presidente do clube, João Carlos Passos, oito atletas e o vice-presidente ficaram desalojados.

Gois relata as dificuldades para estruturar a equipe, que parou as atividades de treinamento desde o dia 22 de fevereiro, por causa dos estragos causados pela enchente.

– Não é fácil chegar numa condição dessa, pela qual a cidade de Brasileia e Epitaciolândia estão passando, e se deparar com parte de seu elenco desabrigado ou ajudando a família, de qualquer forma envolvidos. Estamos refazendo nosso planejamento para readequar e tentar o melhor no campeonato. Que Deus nos dê sabedoria para superar – lamenta o treinador. 

Mesmo com a situação de calamidade, o técnico afirma que, com união e apoio do clube, o elenco do Papagaio da Fronteira conseguirá superar o momento difícil e disputar o campeonato nesta temporada.

– É necessário reformular e readequar tudo para trazer os jogadores para próximos de nós e ver a melhor forma de reestruturá-los, tanto nos trabalhos físicos quanto no psicológico. Claro que com estes problemas ninguém está 100% concentrado, além de já estarmos bem atrasados em relação aos outros clubes. Teremos que buscar motivá-los a superar esta situação, para que venham focados no estadual – ressalta. 

O Alto Acre, que ficou na sétima posição no Campeonato Acreano 2014, estreia no Campeonato Acreano contra o Atlético-AC, no dia 11 de março. A partida será na Arena da Floresta, em Rio Branco, às 18h (do Acre).

Por