Estima-se que entre famílias desabrigadas e desalojadas, o número supera 250

Foto: Raimari Cardoso
Foto: Raimari Cardoso

A situação se agrava a cada momento em decorrência da subida contínua do nível do Rio Acre, em Xapuri, que alcançou às 8 horas da manhã desta terça-feira, 24, o patamar de 16,35 metros.

A Coordenação de Defesa Civil faz apelo para que voluntários se apresentem para ajudar no trabalho de atendimento às famílias. O atendimento do hospital de Xapuri foi deslocado para o Centro de Saúde do bairro do Pantanal.

A sede da Polícia Militar de Xapuri foi transferida para a escola Divina Providência. Estima-se que entre famílias desabrigadas e desalojadas, o número supera 250. Xapuri já tem mais de mil pessoas afetadas por uma das maiores enchentes da história. A OCA também foi atingida pelas águas do Rio Acre.

Fonte: Raimari Cardoso Agência de noticias do Acre

gov 1

gov 2

gov 3

gov 4