Agentes penitenciários chegaram a entrar na cela para resgatar o detento, mas ele já estava muito ferido e acabou não resistindo aos ferimentos.
h
Lylia Camargo | Rio Branco (AC)
Após briga generalizada dentro da cela 14, no Pavilhão C do presídio

Após briga generalizada dentro da cela 14, no Pavilhão C do presídio Francisco d’Oliveira Conde,  em Rio Branco (AC), na noite desta sexta-feira, 20, um detento conhecido como “Zubu” foi brutalmente espancado e acabou morrendo.

Preso pelo crime de danos ao patrimônio público, Antônio Lucas Monteiro Catar, de 22 anos,  foi transferido para o presídio ainda na manhã desta sexta-feira, 20. Ele deveria estar preso no chamado “corretivo” por pelo menos dez dias, mas por motivos ainda não esclarecidos, o detento foi posto em uma cela comum, junto a outros apenados.

Agentes penitenciários chegaram a entrar na cela para resgatar o detento, mas ele já estava muito ferido e acabou não resistindo aos ferimentos. A administração do Instituto de Administração Penitenciária (Iapen) deve apurar e punir os responsáveis pela morte do detento.