Prefeitura de Epitaciolândia atrasa pagamento de vários setores, e o débito chega a ser de R$ 341.002,06 que é o valor total do consumo de energia.  

Por Alemão Monteiro 3 De Julho Noticias

prefe. adre h...

Prefeitura de Epitaciolândia atrasa pagamento de energia de vários setores que são: Secretaria de administração, saúde, assistência social e consumo de iluminação pública. Devido o atraso do pagamento do fornecimento a prefeitura recebeu um documento de como a empresa arca com as despesa se paga ou não o débito devido pela administração é de R$ 341.002,06 que é o total geral do consumo. 

A Eletrobras Distribuidora Acre sempre enfrentou renitente inadimplemento por parte das prefeitura Acrianas em especial a prefeitura de Epitaciolândia que não pagou a conta do fornecimento de energia elétrica, especialmente no que se refere ao pagamento do consumo de energia elétrica dos logradouros e instalações públicas de responsabilidade dos entes municipais, o que tem acarretado gravames que põe em risco não apenas o equilíbrio econômico-financeiro da concessão que lhe fora outorgada pela união, mas também a qualidade do serviço prestado aos demais usuários.

eletroacre

Destarte, cabe informar que esta distribuidora ao faturar mensalmente o valor correspondente ao consumo de energia elétrica das unidades consumidoras a dos logradouros públicos de responsabilidade das referidas prefeituras, recolhe e repassa o percentual do ICMS ao governo estadual, independente das faturas serem pagas ou não pela administração municipal.

E que, a inadimplência deliberada dos gestores também acarreta danos ao próprio erário, que são compelidos a arcar com os acessórios legais que incidem sobre os débitos, o que, sem dúvidas demonstram não observarem os devedores quanto à probidade administrativa.

Não obstante, destaca-se que várias foram as medidas adotadas para reverter o quadro de inadimplência (falta de pagamento) desses municípios, dentre estas destaca-se a concessão do Parcelamento Especial para os órgãos públicos, com aplicação de juros de 0,5% ao mês, desconto de 50% do montante dosa juros e multas e prazo de pagamento em até 180 meses (15 anos) para financiamento do débito, o qual foi aprovado pela Diretoria Executiva da Eletrobras Distribuição Acre, através das resoluções n° 139/2009 e n° 019/2010.             

ele