Já foram investidos R$ 3 milhões na compra da produção nesses primeiros seis meses.

ag

10577115_551506638305566_8699118306349725283_n (1)

No final da tarde desta quarta-feira, dia 6 de agosto, o noticias da fronteira, esteve na colonia São Raimundo, km 29 estrada do pacifico, onde o produtor rural Raildo Lima do Nascimento, está fazendo um grande plantio de milho,  ao 10384908_551507074972189_3531365819818308692_n 10569064_551506874972209_2894551077906455483_ntodo serão 30 hectares.

Nesse momento eles estão fazendo o preparo da terra, fazendo a parte de mecanização agrícola  e colocando calcário na terra. Dessas 30 hectares de milho que serão plantados, o agricultor Raildo Lima,  vai tirar 4.500 sacos de milhos no final da colheita, gerando mais de 15 empregos na sua propriedade.

Tudo isso está acontecendo graças a ação do governo do Estado, por meio da 10439323_551506714972225_8382807527519081176_n 10450767_551507201638843_4530512799479370331_nSEAPROF, que usa tecnologia de ponta.

Essa ação do governo do estado está beneficiando centenas de produtores rurais da região do Alto Acre.

Determinado a transformar a vida do homem do campo, o a dogoverno do Estado  fez do setor produtivo uma das prioridades de sua gestão. E as ações não se detiveram no papel:  foram entregues 364 máquinas – entre tratores e outros 10556500_551506838305546_1547326090931201689_nequipamentos – para a mecanização de áreas agrícolas, 426 tanques de piscicultura foram construídos, trinta mil mudas de coco, plantadas entre Cruzeiro do Sul e Mâncio Lima, 92 mil quilos de sementes de feijão distribuídas e mais de quatro mil ovelhas, entregues a famílias de produtores de vários municípios.

Olhando assim, todos esses dados podem parecer apenas números reunidos dentro de uma planilha de gestão, os resultados vão muito além de uma ação de governo e se refletem na qualidade de vida dos produtores. “Quando eu vir que no fim do mês o pai de família fechou as contas sem ficar devendo nada, que ele pode investir num eletrodoméstico para sua casa, num carrinho, pode financiar os estudos dos filhos com qualidade, eu vou dizer que tudo isso valeu a pena. Está surgindo no Acre uma nova classe média, a rural, e isso é possível com os pequenos produtores através da diversificação da produção, com um açude para peixe, a criação de ovelhas, a mecanização, o calcário,

Até agora mais de R$ 40 milhões de crédito para o setor produtivo está proposto para contratação
Até agora mais de R$ 40 milhões de crédito para o setor produtivo está proposto para contratação

Os resultados foram apresentados pelo secretário de Produção, durante o Seminário de Avaliação da Gestão, que acontece no Afa Jardim, para monitorar os resultados obtidos nos primeiros 18 meses de governo. Estão reunidos com  todos os secretários e diretores de desta gestão.

Até agora, mais de R$ 40 milhões de crédito para o setor produtivo está proposto para contratação, através do trabalho que os técnicos do governo fazem para garantir o acesso do pequeno produtor às linhas de financiamento para o campo.

Determinado a transformar a vida do homem do campo, o governo  fez do setor produtivo uma das prioridades de sua gestão
Determinado a transformar a vida do homem do campo, o governo fez do setor produtivo uma das prioridades de sua gestão

“Já foram investidos R$ 3 milhões na compra da produção nesses primeiros seis meses e a partir de agosto mais R$ 7 milhões serão liberados”, acrescentou Lourival Marques.

Números

426 tanques construídos e 385 produtores atendidos. Meta: dois mil até dezembro

100 mil alevinos foram distribuídos, principalmente na região de Tarauacá, que recebeu 91 açudes

20 mil hectares mecanizados a partir de julho

364 máquinas entregues para mecanização agrícola

Investimentos em 2012

Compra de máquinas e tratores para mecanização – R$ 40 milhões

Calcário para recuperação de solo – R$ 1 milhão

Piscicultura (tanques + investimentos no complexo industrial) – R$ 18 milhões

Programa de açudagem – R$ 8 milhões

Programa de Aquisição de Alimentos (governo garante a compra da produção agrícola e entrega para instituições beneficentes e hospitais) R$ 10 milhões

Investimentos do Fundo Amazônia para produção agrícola – R$ 6 milhões

Subsídio da borracha – R$ 1 milhão

Programa de ovinocultura – R$ 1,5 milhão

Mecanização + compra de barcos – R$ 8 milhões

10574325_551507551638808_3673799668220544282_n

10345986_551507651638798_3000174413332347838_n