São quase 5 hectares de terra invadidas pelas quase 80 famílias.

Alemão Monteiro 3 DE Julho Noticias 

12

44Mais uma invasão no Alto Acre, agora em Epitaciolândia que aconteceu dia 12 de julho, hoje com 14 dias de invasão no bairro Liberdade está sem resposta, atrás da Av. Amazonas, cerca de 80 famílias invadiram três áreas de terras, uma pertence a prefeitura municipal de Epitaciolândia, outra da família Mansour uma das mais tradicionais do município e a terceira pertence a dona Nazinha que é avó do prefeito André Hassem.

Os invasores estão esperando pelas autoridades competentes do município ou do estado, para que levem alguma solução boa ou ruim, já são 14 dias e nada das autoridades, eles esperam uma resposta ou a atitude das autoridades e principalmente da equipe da secretaria de ação social do município, porque o prefeito André Hassem finge não ver o que está acontecendo.

Dona Raimunda da Silva conta para a nossa redação que a mesma não quer um palmo de terra, mas tem dois filhos na invasão, a mesma se pergunta. Porque a prefeitura não manda uma equipe para fazer um cadastro dos invasores? Onde está a equipe da secretaria de ação social do município?

Eles contam que até agora não apareceu ninguém para resolver o problema, ou se manifestar de alguma forma, eles dizem que quer apenas uma moradia um local para ficarem, apesar da invasão não ser a melhor forma de se resolver o problema é a única forma de serem vistos pelas autoridades.  

A mesma fala que o único político que apareceu para prestar solidariedade foi o vereador Messias. O prefeito André até agora nada -já já tem eleições para prefeito! Ai ele vai aparecer para pedir voto, só que nós estamos precisando do prefeito é hoje e não daqui a dois anos para nos dar uma solução. Se André Hassem é o prefeito e maior autoridade do município. Porque ele não aparece para dar uma solução? Diz dona Raimunda da Silva.         

13 14 15 16 17 18 19 20 21