No Acre, 256 que fizeram prova do Revalida precisaram chegar a local de madrugada

Informações: Ministério da Educação

Exame revalida começa às 6 horas no Acre
Exame revalida começa às 6 horas no Acre

No Acre, 256 profissionais tentarão validar seus diplomas de medicina através do processo de reconhecimento de diplomas de medicina emitidos por instituições de ensino estrangeiras, o Revalida. Para atuar como médico no Brasil, o estudante formado no exterior precisa revalidar o diploma. O exame reconhece a autonomia das instituições de educação superior, que podem fazer a adesão ao processo no Ministério da Educação.

A primeira fase do Exame Nacional de Revalidação de Diplomas Médicos Expedidos por Instituições de Educação Superior Estrangeiras (Revalida) será realizada neste domingo (20).

Porém, que fará o exame no Acre precisará acordar um pouco mais cedo para a realização do teste: aqui, o exame começará 6 horas. Considerando o período de antecedência proposto em todos os certames, o candidato precisará estar de “madrugada” na instituição que aplicará o exame.

Com 110 questões de múltipla escolha, a prova objetiva será aplicada no período da manhã, das 8h às 13h (horário de Brasília). À tarde, das 15h às 18h, também no horário de Brasília, os participantes farão a prova discursiva, com cinco itens.

O exame de domingo será aplicado a 2.151 médicos em Rio Branco, Manaus, Fortaleza, Salvador, Rio de Janeiro, São Paulo, Curitiba, Porto Alegre, Brasília e Campo Grande. Destes 256 formandos farão a prova no Acre, em 2013 170 realizaram a prova no estado.

Os aprovados nesta primeira fase serão avaliados também quanto às habilidades clínicas, em situações reais de atendimento médico. A prova será realizada nos dias 27 e 28 de setembro, em Brasília. A taxa de inscrição será de R$ 300. Os horários ainda serão definidos.

Informações: Ministério da Educação