Caminhões de transporte escolar foram usados para o transporte de correligionários de Bittar e de Gladson
Por Tião Vitor Aquiry Noticias
Vereador quer que uso dos veículos seja investigado pelo Tribunal Regional Eleitoral
Vereador quer que uso dos veículos seja investigado pelo Tribunal Regional Eleitoral

170614_DSC_0714-e1405604848786Caminhões e ônibus escolares, além de outros veículos alugados pela prefeitura de Senador Guiomard para atender à comunidade estudantil, produtores rurais e para demais serviços públicos, foram usados para dar apoio ao ato em favor da candidatura de Marcio Bittar (PSDB) ao governo do Estado e de Gladson Cameli (PP) ao Senado da República na noite de segunda-feira, dia 11.

Os veículos em questão fazem o transporte dos alunos que estudam na comunidade Bonal e Santa Maria, além dos estudantes que estudam nas faculdades em Rio Branco. Por conta do seu uso irregular, escolas como a Manoel da Costa Sobrinho, na Santa Maria, tiram suas aulas prejudicadas naquela noite por falta de transporte.

A prefeitura de Senador Guiomard tem como titular Manoel Gomes, também do PSDB, um dos principais articuladores da oposição no Acre.

A denúncia foi feita pelo vereador Manoel Lima da Silva (PT) que fotografou os caminhões e ônibus que foram usados para o transporte dos apoiadores das duas candidaturas. “Essas pessoas chegaram nesses veículos e depois eles foram levados e estacionados em um local próximo aguardando o final do evento para levá-los de volta”.

Manoel Lima considerou que o uso desses equipamentos da prefeitura pode ser considerado um crime eleitoral e pede para que o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) investigue o caso e tome as devidas providências para punir os culpados e para evitar que situações como essa continuem acontecendo.

“O TRE presa tanto pela lisura nas eleições, então está na hora de investigar a fundo o uso irregular desse veículos.”

Pelo uso irregular desses veículos, James, Bittar e Cameli podem responder por crime eleitoral. James Gomes pode responder, também, por crime de improbidade administrativa.

Ônibus de transporte de universitários também foi utilizada na demanda dos candidatos oposicionistas
Ônibus de transporte de universitários também foi utilizada na demanda dos candidatos oposicionistas