Marinheiros De 1ª Viagem, Políticos-Celebridades Se Destacam E Defendem De Circo A Bike Elétrica Na Câmara

rrrr
Tiririca, Popó, Stepan, Jean Wyllys, Danrley E Romário Apresentaram Mais De 300 Proposições

A grande estrela foi o estreante Tiririca, parlamentar mais votado da Câmara. Apesar da boa frequência na Casa em votações, comissões, o parlamentar não é muito ativo para propor leis ou requerimentos.

Do início do mandato até agora, foram 37 proposições, quase todas voltadas para o mundo do circo, de onde ele veio. Entre as propostas de lei duas se destacam. A primeira modifica a Lei Rouanet e visa reconhecer a atividade circense como manifestação cultural. A segunda sugere ao Poder Executivo equiparar o trailer e o motor-home à residência popular, no âmbito do Programa Minha Casa, Minha Vida. Assim, circenses poderiam adquirir os equipamentos com recursos destinados ao programa.

Na área da cultura, também milita o ator Stepan Nercessian (PPS-RJ). Mas, mal chegou ao parlamento, a Polícia Federal abriu inquérito para apurar sua ligação com o empresário Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira. Em 2011, o parlamentar recebeu R$ 175 mil do contraventor, preso pela Polícia Federal. O processo foi arquivado pelo Supremo Tribunal Federal.

Um pouco mais ativo que o colega Tiririca, Nercessian propôs 130 ações, entre requerimentos para audiências públicas, convocações de autoridades e projetos de lei — este em menor número. Sem grandes polêmicas, dois projetos se destacam. O primeiro quer incluir as despesas veterinárias na dedução da base de cálculo do imposto de renda das pessoas físicas. Outro projeto quer a isenção do Imposto sobre Importação sobre instrumentos musicais, equipamentos musicais, acessórios e partituras musicais.

O ex-pugilista Acelino Popó Freitas (PRB-BA) deixou a Câmara Federal em abril deste ano. Ele era suplente e o titular reassumiu há dois meses. Mas, antes de sair, o esportista deixou suas contribuições em projetos de lei que tramitam na Casa. Foram desde 2011, 77 proposições. Quase todas voltadas aos esportes e à luta. Alguns até bem curiosos, como o projeto de lei que institui a data de 18 de janeiro como o Dia Nacional do Krav Magá (defesa pessoal do Exército Israelense).

Entre os projetos há ainda o que sugere a inclusão do estudo da história e da cultura da Capoeira entre os conteúdos a serem desenvolvidos nos currículos da educação básica e sugere ao Ministério do Esporte a regulamentação da modalidade esportiva de Kite Surf.

O jornalista e professor Jean Wyllys ficou famoso depois de vencer um reality show. Aproveitando a fama, embarcou na carreira política e é hoje um dos parlamentares mais ativos da Câmara dos Deputados — e o mais ativo entre os famosos. Militante da causa LGBT e dos Direitos Humanos, o deputado apresentou 145 proposições na Casa .

O baixinho, como é conhecido o ex-jogador de futebol Romário (PSB-RJ), é tido como uma surpresa no mundo da política. Atuante, o deputado quer mudar de Casa, já anunciou a sua pré-candidatura ao Senado nas eleições do ano que vem. Romário apresentou até agora, 128 proposições, parte delas sugerindo audiências públicas para discutir os assuntos que defende. Como lei, apresentou projeto que institui o Dia Nacional da Informação, Capacitação e Pesquisa sobre Doenças Raras e quer ver aprovada a lei sobre a regulamentação das profissões e atividades integrantes da cultura Hip Hop. O parlamentar também defende que as unidades públicas de ensino tenham a Semana Olímpica nas Escolas Públicas, para incentivar o esporte.

Também do meio esportivo, estreou como parlamentar o ex-goleiro Danrlei (PSD). Assim como os colegas atletas, Danrlei atua no assunto: 44 proposições da autoria dele foram apresentadas. Entre os projetos, um que prevê a regulamentação das bicicletas elétricas, em todo território Nacional. O ex-goleiro também apresentou projeto de lei para incentivar clubes esportivos que criem ou mantenham equipes profissionais de futebol feminino.