Romário da Silva Cunha (30), foi de acusado de associação ao tráfico e receptação de objetos furtados.

Almir Andrade

DSCF7251-660x355

Por volta das 17 desta quinta-feira, dia 29, policiais civis da delegacia de Brasiléia, sob coordenação do titular da mesma, Cristiano Bastos, conseguiu deter um dos principais acusados de comandar o tráfico de drogas no Bairro Aberto Castro, localizado na parte alta da cidade.

Romário é velho conhecido da Justiça local. Já foi detido por envolvimento com tráfico em 2009, de ter queimado a casa de sua ex-companheira em 2007 após ter mantido a mesma como refém, além de envolver quase toda sua família no tráfico.

Recentemente, Romário vinha sendo investigado por comandar ‘bocadas’ no mesmo bairro e recrutava menores, além de receptar objetos que eram furtados por viciados e trocados por entorpecentes.

O acusado será transferido para o presídio na Capital nas próximas horas e poderá ficar detido por longos anos devido sua grande ficha criminal.

tido na sua casa após um cerco dos agentes. Contra si, já havia um mandado de buscar a preensão, que foi pedido pelo Ministério Público e acatado pelo Juiz da Comarca, uma vez que o acusado vinha sendo investigado a tempos pelo envolvimento no mundo ilícito.

Veja vídeo dentro de instantes com Almir Andrade.

DSCF7250