Verdadeira Farra  Com  o Dinheiro Público

Por Alemão Monteiro 

Foto: Ilustrativa
Foto: Ilustrativa

Não bastasse o abandono que se encontra a cidade de Brasiléia, com limpeza pública ineficiente, saúde e educação funcionando de forma precária, funcionários e prestadores de serviços com salários atrasados, fornecedores sem receber, prejudicando o comércio local, ramais intrafegáveis, pontes caídas, ruas esburacadas, a cidade parecendo que sofreu um bombardeio em meio a uma guerra de horrores e escândalos.

Somos agora obrigados a conviver com denúncias de desvio de dinheiro público como esse da Secretaria Municipal de Saúde que ultrapassa os R$ 400.000,00 (quatrocentos mil reais) que por sí já justificam o fato de Brasiléia se encontrar nessa situação de calamidade administrativa, e, ainda temos o desprazer de saber que pessoas ligadas ao prefeito, que nunca prestaram qualquer serviço ao município de Brasiléia, recebem quantias vultuosas de uma prefeitura que está com seu orçamento em situação altamente delicada.

Este último episódio se trata das seguintes pessoas:

A Sra. ANA CAROLINE BARBOSA DE SOUZA, esposa do Sr. Wiliandro Derze, secretário municipal de comunicação, que recebeu da prefeitura R$ 5.200,00 dividida em duas parcelas de R$ 3.000,00 e R$ 2.200,00. Referente a serviços prestados aos registros fotográficos dos ramais, ruas, avenidas, vielas, bueiros áreas verdes loteamento e situação dos prédios públicos municipais, assim com o aluguel de maquina fotográfica para os devidos fins, relativos aos meses de junho, julho e agosto de 2013, e referente a serviços prestados aos registros fotográficos de imagem para secretaria municipal. de comunicação relativo aos meses setembro e outubro de 2013. 

Todos esses pagamentos comprovados através das notas de serviços números 1594 e 2032, respectivamente, como mostra no portal de transparência da prefeitura municipal de Brasiléia (site:  http://e-gov.betha.com.br/transparencia/main.faces Fly Transparência e-gov.betha.com.br

21212121

O que mais chama atenção no portal transparência da prefeitura, é que nesse mesmo período, outro assessor que ainda faz parte dos comissionados de Everaldo na secretaria de comunicação, desenvolveu essa mesma atividade, dando a entender que a prefeitura de Brasiléia está pagando os serviços que foram efetuados uma única vez, só que de forma dobrada, quer dizer, pagando duas vezes pelo mesmo serviço como forma de prevalecer financeiramente os parceiros políticos através de uma vergonhosa e imoral forma de desviar a licitude do erário público.

3232323232

GOSTOU? ENTÃO CURTA O LIKE!