Mandado de prisão em desfavor de Railson já perdurava desde o mês de julho passado 

Railson tem várias passagens pela justiça acreana e estava em liberdade condicional – Foto: Alexandre Lima
Railson tem várias passagens pela justiça acreana e estava em liberdade condicional – Foto: Alexandre Lima

Uma perseguição pelas ruas e quintais do Bairro José Moreira localizado na cidade de Brasiléia, resultou na prisão do jovem Railson Ribeiro dos Santos (24), que tinha em seu desfavor, um mandado de prisão em aberto desde o mês de Julho passado.

Railson já é velho conhecido da justiça acreana. Desde quando era menor de idade, vem se envolvendo com prática ilícitas que vão desde furtos, até assaltos a mão armada e comércio ilegal de munição restrita.

O mesmo se vangloria de ter participado de um assalto frustrado na cidade de Sena Madureira no ano de 2009, quando na companhia de outros meliantes, chegou a fazer reféns e resultou em horas de negociação até se entregarem.

O jovem vinha cumprindo o semiaberto pelo crime pela posse da munição restrita, onde teria que que se deslocar uma vez por mês até a Capital para se apresentar à autoridades, mas resolver que não deveria voltar e viver na clandestinidade pela fronteira.

Após esses meses foragido e com a ordem de prisão, o mesmo foi cercado num bar localizado no Bairro José Moreira por homens do Grupo de Intervenção Rápida e Ostensiva – GIRO, que tentou fugir do cerco.

A perseguição aconteceu após algumas correr por algumas quadras, pulando cercas e quintais, até ser parado dentro de um matagal numa poça de lama. Railson foi lavado para a delegacia de Brasiléia onde será ouvido pelo delegado e depois ser transferido para o presídio na Capital e cumprir o restante de sua pena.

Fonte=oaltoacre

IMG_7249