Os invasores já limparam vários lotes e demarcarem os mesmos, conforme informações

Eva reforçou ainda que a prefeitura precisa urgente dar uma resposta para as pessoas. “Aqui todo mundo mora de aluguel e a gente precisa de uma casa para morar
Eva reforçou ainda que a prefeitura precisa urgente dar uma resposta para as pessoas. “Aqui todo mundo mora de aluguel e a gente precisa de uma casa para morar – FOTO ALEMÃO MONTEIRO

Chiquinho Chaves / Alemão Monteiro

Desde a ultima sexta-feira 04, dezenas de sem tetos estão ocupando uma área de aproximadamente 500 metros de extensão no bairro José Braúna, município de Brasiléia.

Os invasores já limparam vários lotes e demarcarem os mesmos, conforme informações estarão construindo barracas para realizarem a ocupação do lugar.

Segundo nos foi informado, um representante da Prefeitura de Brasiléia esteve conversando com líderes do movimento alertando que ali é área verde e os invasores tem que desocupar a localidade e evitar não construir nada enquanto não se resolva o impasse.

A senhora Eva Silva de Araújo disse que alguém do setor de cadastro da Prefeitura, pediu um prazo de 72 horas para que voltassem a conversar e não houve retorno. ” Fica complicado, a gente está aqui por que não tem onde morar, se a gente está aqui é por que a gente realmente precisa, já passou as 72 duas horas e ai? Eles disseram que se a gente construir corre o risco deles vim e derrubar, mas eles tem que entender que a gente não tem para onde ir”, lamentou ela.

Eva reforçou ainda que a prefeitura precisa urgente dar uma resposta para as pessoas. “Aqui todo mundo mora de aluguel e a gente precisa de uma casa para morar!”, disse.

Uma das líderes do movimento, Terezinha de Jesus citou que conversou com o prefeito sobre a questão habitacional. ” Eu conversei com ele (prefeito), e ele disse que não tem nem previsão das casas, meu nome acho que já fez foi sair da lista porque já faz 10 meses que ele tá no mandato e não fez nada até agora. Será que ele vai levar esse pessoal para morar na casa dele?”,perguntou.

Até o fechamento dessa matéria não havia nenhuma resposta da Prefeitura de Brasiléia acerca da invasão no bairro José Braúna.

FOTO Alemão Monteiro
FOTO Alemão Monteiro
FOTO Alemão Monteiro
FOTO Alemão Monteiro
FOTO Alemão Monteiro
FOTO Alemão Monteiro
FOTO Alemão Monteiro
FOTO Alemão Monteiro
FOTO Alemão Monteiro
FOTO Alemão Monteiro
FOTO Alemão Monteiro
FOTO Alemão Monteiro
FOTO Alemão Monteiro
FOTO Alemão Monteiro
FOTO Alemão Monteiro
FOTO Alemão Monteiro