Americana admitiu ter convencido marido a atacar vizinho – caso será julgado no próximo mês.

mulher
mulher-FOTO 
Uma moradora de Centerville, Utah (EUA), se declarou culpada da acusação de tentativa de solicitação criminosa e posse de arma depois de ter convencido o marido a atirar no vizinho.
 
Meloney Selleneit, de 55 anos, disse para seu marido que havia sido estuprada telepaticamente pelo vizinho. O esposo então atirou na vítima por conta da acusação de Meloney.
 
O caso, que aconteceu no dia 10 de novembro de 2011, será julgado no próximo mês. Os ferimentos do vizinho, na ocasião, não foram graves.