professora premiava bons alunos com sexo

Advogado nega acusações

Uma ex-professora de educação física de 31 anos está sendo acusada de 16 crimes sexuais envolvendo cinco menores de idade, todos estudantes do ensino médio de um colégio em Corona, no estado da Califórnia, nos Estados Unidos.

Uma ex-professora de educação física
Uma ex-professora de educação física

Segundo informações do portal Huffington Post, Summer Michelle Hansen, professora de alunos especiais da Centennial High School pode ser indiciada por relação sexual ilícita, sexo oral ilegal e enviar material considerado prejudicial a menores. Se for condenada, ela pode pegar até 13 anos de prisão. Ela foi processada em junho deste ano

Em uma nota divulgada na última terça-feira, o gabinete do distrito de Riverside informou que os crimes aconteceram entre maio de 2012 e maio deste ano, na classe de Michelle, em uma despensa do colégio, no carro da professora quando estava estacionado próximo à casa de um dos alunos, e na casa de um outro estudante. Nenhum dos garotos era aluno de Michelle

Segundo a polícia, uma das vítimas de Michelle contou a um detetive que a professora lhe enviou mensagens de texto não apropriadas sugerindo “contatos sexuais”. Ela ainda teria oferecido sexo como prêmio pelos bons resultados registrados pelo aluno em um jogo de baseball.

Uma ex-professora de educação física
Uma ex-professora de educação física

Uma investigação teve início em junho deste ano, depois que um ex-aluno do colégio contou a policiais que havia feito sexo com a professora.

Fonte-voz do acre