Caso ocorreu na prisão de Santa Martha Acatitla.
Detentos têm o direito de ver o caixão de parente falecido.

Redação-3dejulho

 Fonte-g1-Da-AP

As autoridades penitenciárias da Cidade do México frustraram a tentativa de contrabandear um celular em uma prisão da capital mexicana depois que o aparelho foi encontrado escondido dentro do caixão da mãe de um preso.

Preso mexicano tentou contrabandear celular em prisão em caixão da mãe (Foto: Reuters)
Preso mexicano tentou contrabandear celular em prisão em caixão da mãe (Foto: Reuters)

Segundo as leis locais, os detentos têm o direito de ver o caixão de um parente falecido. Normalmente, o caixão é levado até o pátio da prisão para que o preso possa se despedir.

Segundo o porta-voz do sistema correcional da cidade, Emilio Castelazo, antes que o caixão tivesse o acesso permitido na prisão de Santa Martha Acatitla, guardas o revistaram e encontraram o celular dentro dele.