Agentes penitenciários flagram tentativa de envio de celulares para detento dentro de rádio

Redação/Ecos

radio-Apesar da intensificação na revista e fiscalização de visitantes e familiares de detentos nas unidades prisionais do estado do Acre, agentes penitenciários que prestam serviço no Presidio Evaristo de Moraes localizado no município de Sena Madureira, distante de Rio Branco 144 quilômetros ainda tem dificuldades de evitar que de algum modo o sistema de segurança seja “furado” por pessoas mal intencionadas e que se aliam ao crime.

Na última quarta-feira (24) agentes penitenciários evitam que aparelhos celulares chegassem as celas de detentos do Presídio Evaristo de Moraes ao interceptarem um rádio AM/FM recheado de aparelhos celulares.

A descoberta foi feita no dia em que é liberado ao visitante levar roupas, material de higiene, alimentação e outros equipamentos para os detentos, entre os aparelhos é permitido rádio, apare-lo de televisão desde que tenha o prévio consentimento da direção da unidade prisional.

Aproveitando dessa possibilidade um visitante que não teve o nome revelado tentou ludibriar a segurança ao esconder alguns aparelhos celulares dentro do rádio.

Possivelmente o visitante não sabia que após entregar o equipamento na recepção do presídio, uma equipe de agentes penitenciários desmonta o equipamento objetivando descobrir se não existe nenhuma irregularidade.

E foi exatamente durante a desmontagem do rádio que os agentes descobriram aparelhos celulares escondidos dentro do rádio.