A mulher que retirou o útero sente o mesmo prazer de antes da cirurgia?

A cirurgia para retirada de útero, chamada de histerectomia, pode ou não afetar o prazer sexual.

mulher que retirou o útero 1

O útero, localizado acima da vagina, é um órgão essencialmente reprodutor, que abriga e nutre o ser humano em sua vida fetal.

O útero em si não participa diretamente na questão de prazer sexual – o órgão responsável pelo prazer sexual é a vagina, com terminações nervosas no clitóris e ponto G. Além disso, há outros pontos erógenos no corpo, como as mamas.

Entretanto, há dois fatores na histerectomia que podem afetar diretamente a sexualidade feminina, em especial, a libido: a disfunção hormonal e questões psicológicas.

A histerectomia traz a menopausa precoce, o que acarreta na diminuição dos hormônios sexuais.

Além disso, algumas mulheres já tem disfunção hormonal previamente à cirurgia. Por isso é possível que a mulher passe a ter menos libido, (desejo sexual) e sinta algum desconforto na relação sexual, como diminuição de lubrificação, após a histerectomia. Estas questões são tratadas com auxílio médico e fisioterapia pélvica (uroginecológica).

Útero associado à feminilidade

É comum a mulher associar o útero à sua feminilidade. Por este motivo, quando há a retirada do órgão, ela se sente “menos mulher”, ou “incompleta”. Essa associação diminui a autoestima, causa depressão e gera disfunção sexual. Nestes casos o psicólogo deve ser consultado.

Portanto, a mulher que faz retirada de útero pode ter o mesmo prazer sexual de antes da intervenção cirúrgica. Caso não tenha, pode buscar auxílio profissional para resgatar sua qualidade de vida sexual.

Clique aqui e curta nossa página do facebook

mulher que retirou o útero

Esta notícia está na categoria Saúde. Marcar o link.