Prefeito bicão “invade” Câmara de Sena para defender projeto que extingue as funções de Zeladeira, vigia e gari, mas leva o troco

Uma confusão generalizada na sessão desta terça-feira, na Câmara Municipal de Sena Madureira, teve como pivô o destrambelhado prefeito Mazinho Serafim (PMDB).

Ele exigiu a palavra, que lhe foi dada pelo presidente da Casa, gerando revolta inclusive de sua base aliada. Era votado na ocasião o pedido de urgência de um projeto de autoria do próprio prefeito que extingue os cargos de Gari, Zeladeira e Vigia nas instituições públicas municipais.

A urgência foi derrubada.

Do lado de fora, populares revoltados com a proposta ficaram ainda mais revoltados com a atitude nada elegante do prefeito.

Leia a nota abaixo, assinado pelo vereador de oposição, Jossandro Cavalcante

Bom dia a todos.

Em 9 anos na Camara Municipal, nunca vi algo parecido.

Todos nós sabemos que o Prefeito tem a competência de enviar à Câmara o Projeto que entenda necessário. No entanto, é desarrazoado ir à Câmara sem ser convidado oficialmente para usar da palavra e ainda tentar desmoralizar todos os vereadores.

Ontem não foi só desrespeitado os vereadores, mais toda a população que representamos e de forma abrupta quebraram o Regimento Interno que não trás nenhuma previsão legal para tal ato.

Quanto ao Projeto que extingue os cargos de Gari, Merendeiras, Barqueiros, Vigia…, foi votado apenas o regime de urgência, e que registre, não havia nenhum justificativa plausível para tal pedido, e graças aos sete vereadores essa urgência foi rejeitada pelo plenário.

Explico que o Projeto que ainda será votado pelo Plenário da Câmara, vai contra tudo aquilo que foi prometido pela a atual gestão. Quando prometeram fazer concurso público e agora propõe extinguir cargos do plano de carreiras Municipal.

Tal proposta é para não mais fazer concurso e sim contratar através de uma empresa terceirizada todos os serviços inerentes à esses cargos.

Só lembrando que através de terceirização não existe concurso e com isso todos os nossos jovens são prejudicados.
Minha humilde opinião.

Josandro Cavalcante vereador

Mazinho Serafim

:: Textos publicados nesta página são de inteira responsabilidade do colunista. Não refletem a opinião do Jornal.

.