No Acre, nova etapa do projeto Quero Ler deve alfabetizar quase 15 mil pessoas

Proposta é alfabetizar 60 mil pessoas até 2018 em todo estado. Investimento é de R$ 40 milhões , diz secretário.

A nova fase do programa de erradicação do analfabetismo no Acre, Quero Ler, deve atender 14.900 alunos na nova fase que inicia em julho. A proposta do programa é alfabetizar 60 mil pessoas em todo o estado até 2018.

As aulas do ‘Quero Ler’ começaram no ano passado. O projeto de erradicação do analfabetismo do governo federal existe em todo o país e no Acre está presente em todos os municípios. As ações são coordenadas pela Secretaria Estadual de Educação.

O secretário adjunto de Educação Edvaldo Viana, diz que nessa nova etapa foram incluídas oito cidades.

“A ideia principal é realmente acabar com o analfabetismo no Acre. Depois, com tudo isso, vem a questão financeira. Nós estamos investindo no programa mais de R$ 40 milhões, entre bolsas, materiais, formação, alimentação e merenda. Tudo isso tem um custo e esse custo traz investimento pro Estado, então, gera renda e riqueza. É um conjunto de ações positivas”, salienta.

Em 2016, 7 mil alunos foram beneficiados com a primeira etapa do programa. Já em 2017, as matrículas subiram para 8 mil.

“Nós temos um edital aberto para a contratação de alfabetizadores e coordenadores de turma para mais uma etapa que se inicia em julho. Nessa etapa, atenderemos 14.900 alunos e é uma das maiores que já fizemos até hoje, haja vista que o programa começou no ano passado e vai até 2018 atendendo o total de 60 mil alunos”, esclarece Viana.

O projeto abre também oportunidade para os alfabetizadores. São 1.169 vagas no mercado de trabalho, além das 64 vagas para coordenadores de turma.

“Nós temos várias pessoas nos bairros e nos postos de saúde. Todos trabalhando para encontrar pessoas que não estão alfabetizadas e para que possam trazê-los para a escola ou pra qualquer outro espaço de educação e assim garantir a erradicação do analfabetismo”, finaliza.

quero,ler

Com informações Bom Dia Amazônia