Governo entrega unidade de saúde que funcionará em penitenciária

Por lei, os apenados possuem atendimento prioritário nesses serviços, o que interfere na demanda de consultas e gera desconforto entre os pacientes que aguardam na rede pública de saúde.

 Por Marcelo Torres 

Governo entrega unidade de saúde

A unidade de saúde conta com quatro consultórios médicos, seis celas para presos enfermos e salas de coleta de exames (Foto: Marcelo Torres)

O governo do Acre, por meio do Instituto de Administração Penitenciária (Iapen), realizou a entrega da Unidade de Atenção Primária de Saúde da Unidade Prisional Quinari (UPQ), em Senador Guiomard (24 quilômetros de Rio Branco).

Cerca de R$ 700 mil foram investidos por intermédio do termo de adesão da Política Nacional de Atenção Integral à Saúde das Pessoas Privadas de Liberdade do Ministério da Saúde.

Foram construídos 516 m², com quatro consultórios médicos, ala com seis celas para presos com enfermidades, farmácia e salas para coletas.

“A instalação de uma unidade de saúde é um indicativo de duas preocupações dos órgãos públicos: o atendimento médico com dignidade aos apenados e a redução do deslocamento deles aos  postos de saúde”, explicou o diretor-presidente do Iapen, Martin Hessel.

Para o secretário de Segurança Pública, Emylson Farias, esse é um ambiente adequado para que os reeducandos tenham todo o atendimento psicossocial e médico dentro do complexo prisional.

“A unidade funcionará em parceria com a prefeitura de Senador Guiomard, pois esse posto de saúde será gerido com equipe multiprofissional do Estado e da prefeitura”, explicou.

“A unidade de saúde passa a funcionar a partir desta data e fará com que seja reduzido o atendimento externo de pessoas privadas de liberdade que cumprem pena na UPQ. Além de o atendimento ser feito de forma mais célere, aqui o apenado receberá atendimento médico, odontológico, psiquiátrico e assistência social”, declarou a gerente de Reintegração Social e Saúde do Sistema Penitenciário do Acre, Madalena Ferreira.

Segundo o diretor da UQP, Arleilson Cunha, por lei, os apenados possuem atendimento prioritário nesses serviços. “Não podemos esquecer que quem está aqui também é ser humano, e que este é um espaço de ressocialização”, comentou.

Governo entrega unidade de saúde 1

Esta notícia está na categoria Saúde. Marcar o link.