Jovem acreano vira fenômeno com mais de 17 milhões de visualizações

Com suas rimas rápidas e um senso de humor criativo, o jovem Raylton Soares, que soma 27 vitórias em competições de rimas no Acre, em pouco tempo se tornou um fenômeno da internet, tendo mais de 17 milhões de visualizações em seus vídeos.

jovem Raylton

Com 120 mil inscritos no seu canal do YouTube e mais de 110 mil seguidores na sua página do Facebook, o M’c, conhecido na rede como o “Rei das Histórias”, começou a gravar os seus vídeos de forma amadora na Batalha da Ponte, evento realizado por mcs e grupos de HIP HOP locais, periodicamente embaixo da Ponte Metálica (Juscelino Kubitschek), no centro da capital acreana.

Sendo uma das principais referências para os mcs locais e um pioneiro no seu estilo único de contar histórias engraçadas por meio da rima, o jovem de 18 anos que é seguido por uma legião de fãs atualmente mora em Goiânia, onde dá continuidade ao seu trabalho gravando vídeos diariamente com temáticas diversificadas e interagindo com internautas.

“Quando criei o meu canal em 2014, o intuito era divulgar de forma simples o meu trabalho. Comecei postando músicas, batalhas de rimas, entre outros conteúdos e rapidamente tudo mudou”, declarou o jovem que ficou surpreendido com a rápida repercussão do seu conteúdo na rede.

O acreano Raylton Soares

Sobre a sensação de ser reconhecido pelo seu público na web Raylton Soares, afirmou ser inexplicável. “Estão me acompanhando em todas as redes sociais. Uma verdadeira explosão.

É um público formado por várias idades. São crianças, jovens e adultos que diariamente me enviam mensagens de apoio incentivando o meu trabalho”, afirmou.

Raylton Soares, que conversou com a nossa equipe de reportagem pela fanpage @Noticiasdoacre no Facebook, pretende voltar ao estado em breve,  para participar da maior competição de rimas do Acre. O evento ocorre em julho na Expoacre.

 Veja o Vídeo 1 

 Veja o Vídeo 2 

Raylton Soares

Quase 13 mil do Bolsa Família não atualizaram dados em Rio Branco

Somente quase 40% dos beneficiários compareceram aos postos de saúde para acompanhamento, segundo coordenação do programa. Mais de 20 mil recebem benefício em Rio Branco.

A quatro dias para o fim do prazo, quase 13 mil beneficiários do programa Bolsa Família em Rio Branco ainda não compareceram nas unidades de saúde para fazer o acompanhamento semestral, que é obrigatório para os participantes do programa. A informação foi confirmada nesta quarta-feira (21) pela coordenação do programa.

Até esta quarta, somente 8.345 beneficiários procuraram um posto de saúde para atualizar o cadastro, ou seja, 40% estão aptos para continuar a receber o benefício, segundo a coordenadora do Bolsa Família, Kelly Cristina. As pessoas têm até o dia 25 de junho para passar pelo procedimento.

Em Rio Branco, 23 mil famílias estão no programa recebendo o benefício, porém, 20 mil fazem parte do público-alvo e precisam comparecer aos postos para fazer o acompanhamento.

Devem ir às unidades de saúde o titular do cartão, as crianças de 0 a 7 anos, mulheres de 14 a 44 anos e gestantes. O procedimento pode ser feito em qualquer posto de saúde da capital acreana.

Os beneficiários que não procurarem os postos de saúde para o acompanhamento serão notificados e em seguida podem ter o benefício bloqueado. Conforme Kelly, após ficar seis meses bloqueado e não procurar regularizar a situação, a pessoa perde o Bolsa Família.

“Caso a pessoa tenha o benefício bloqueado, ela nos procura e será orientada a regularizar a situação no posto de saúde, depois disso, a gente solicita o desbloqueio. Após seis meses bloqueado é que perde automaticamente. A gente alerta as famílias para que não corram o risco de ter o pagamento bloqueado, porque uma vez bloqueado, é mais difícil para voltar a receber”, afirmou a coordenadora.

Programa Bolsa FamiliaDo G1 Acre

Papa Francisco anuncia visita ao Peru, na fronteira de Assis Brasil

O Papa Francisco estará em Porto Maldonado, no Peru, no dia 18 de janeiro de 2018.

A visita foi confirmada por Miguel Cabrejos, vice-presidente da Conferência Episcopal Peruana (CEP), O pontífice visitará a capital de Madre de Dios, departamento que faz fronteira com o Acre,  por ser “símbolo dos povos originais  e amazônicos”

“Puerto Maldonado é como símbolo dos povos originais e amazônicos. Está muito distante de Lima, a capital –e aí há uma problemática grande –mas também é onde está todo o tema da ecologia e da Amazônia”, disse Cabrejos ao jornal El Comercio, um dos maiores do Peru.

A mineração clandestina e o trabalho infantil são outros motivos para a viagem de Francisco  Porto Maldonado.  “Como todos sabemos, o Papa publicou a encíclica Lauda Laudato Si, que é justamente o convite à responsabilidade que devemos ter com nossa irmã Natureza”, concluiu Miguel Cabrejos.

Papa Francisco estará por três dias no Peru. De Lima ele vai a Maldonado e depois a Trujillo.

Papa Francisco

Acre vacina quase 100% do rebanho contra febre aftosa, segundo Idaf

Meta era vacinar 95% e foram imunizados mais de 99% do rebanho. Campanha precisou ser prorrogada devido às chuvas.

O Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal (Idaf) declarou que 99,18% dos animais bovinos e bubalinos estão vacinados contra a febre aftosa no Acre. Os números foram alcançados por meio da primeira fase da campanha, que iniciou no dia 1º de maio no estado e tinha como meta imunizar 95% do rebanho. A campanha precisou ser prorrogada devido às chuvas na região.

A vacinação protege os animais contra a doença e garante que o estado permaneça como área livre de febre aftosa, como é reconhecido desde 2005. Ao todo, o estado tem 1.890.906 de bovinos e bubalinos e durante a campanha foram vacinados 1.875.311.

Os produtores do Acre tiveram até a última sexta (16) para declararem o rebanho vacinado. A data inicialmente seria até o dia 15, mas devido ao feriado do Aniversário do Acre e Corpus Christi, ficou para o dia seguinte.

Conforme o diretor-presidente do órgão, Ronaldo Queiroz, o índice de vacinação em 2017 foi ainda maior que no ano passando, quando 99,15% dos bovinos e bubalinos foram vacinados. Segundo ele, para chegar a 100% do rebanho imunizado faltou vacinar pouco mais de 15,5 mil animais.

“Mais um recorde que nós batemos com muito sacrifício e dedicação dos nossos profissionais e principalmente do produtor rural do estado do Acre, que sabe da importância de ter um gado vacinado e valorizado. Para a gente é um avanço muito grande”, afirmou Queiroz.

O produtor que não vacinou ou não declarou a vacinação junto ao Idaf ficará impedido, por exemplo, de tirar a Guia de Trânsito Animal (GTA), de se cadastrar em programas do governo e ainda deverá pagar multa no valor de R$ 5 por cada animal não vacinado.

Defesa Agropecuária e Florestal Idaf

Caixa vai ofertar mais de 2,2 mil imóveis para financiamento durante feirão no Ac

Total de imóveis ofertados é de R$ 254 milhões, segundo a superintendência. Evento começa na sexta e se estende até domingo (25).

A Caixa Econômica vai disponibilizar mais de 2,2 mil imóveis para serem financiados durante o feirão da Casa Própria, que começa às 16h desta sexta-feira (23) no Centro de Convenções da Universidade Federal do Acre (Ufac), em Rio Branco.

São mais de 6 construtoras e cerca de 7 correspondentes imobiliários Caixa, além de 3 imobiliárias, que ocuparão os estandes do evento. O valor estimado dos imóveis ofertadas são de R$ 250 milhões, segundo a superintendência.

“Temos oferta a partir de R$ 150 mil a até o limite do sonho dele. A gente tem condomínio de alto padrão, com valor acima de R$ 1 milhão. Temos para todas as classes e a Caixa está com todas as linhas em pleno funcionamento para que todo trabalhador possa visitar o nosso feirão da casa própria do Acre”, disse em entrevista do Acre TV, o superintendente da Caixa, Márcio Fiod Martins.

Durante a feira, o cliente pode olhar as plantas dos projetos e escolher qual mais lhe agrada. Além disso, pode fazer a simulação e até fechar o contrato no próprio evento.

“Nós temos uma ilha da Caixa lá no leilão, que vai fazer as simulações e fechar os negócios. A pessoa pode fechar os contratos dentro do feirão”, destaca.

Para requerer o crédito para casa própria na Feira, basta levar documento de identidade, CPF e comprovante de renda. A estimativa, segundo Martins, é que R$ 100 milhões sejam movimentados durante o feirão. Além disso, também vai ter oferta de material de construção e veículos.

Caixa vai ofertar mais de 2,2 mil imóveisDo G1 Acre

Celulares roubados são encontrados na casa de empresário em Rio Branco

Mais de 70 celulares roubados são encontrados na casa de empresário no bairo Tucumã em Rio Branco.

A Polícia Civil informou na manhã desta terça feira, na delegacia da Terceira Regional, que conseguiu recuperar 78 aparelhos celulares que haviam sido furtados da Gazin, ocorrido no último domingo (11), no depósito da loja localizado na Via Verde.

De acordo com a polícia, os aparelhos estavam na casa de um empresário localizada no bairro Tucumã. Ele entregou espontaneamente os aparelhos e deve responder pelo crime de receptação em liberdade.

“Nós não vamos divulgar a sua identidade. Investigamos e identificamos que ele estava vendendo os aparelhos furtados. Fomos até a sua residência e ele entregou os celulares de forma espontânea e deve responder pelo crime em liberdade”, disse o delegado Alceste.

Esta é a segunda parte da etapa de recuperação dos aparelhos feita pela Polícia Civil. Na semana passada, outros 28 aparelhos foram recuperados e quatro pessoas foram presas com os aparelhos e outros materiais de origem duvidosa.

celulares roubadosCom Informação ac24horas

Atletas de Cristo do Acre realizam acampamento de futebol na Bolívia

Grupo de 10 atletas de Cristo sai de Rio Branco rumo a Puerto Rico, na Bolívia, na manhã desta terça-feira (20). Atividade será realizada nos dias 23 e 24 deste mês.

Atletas de Cristo do Acreanos

Acampamento de Futebol dos Atletas de Cristo é destinado a jovens entre nove e 17 anos (Foto: Atletas de Cristo Acre/Divulgação)

Um grupo de atletas de Cristo, formado por 10 pessoas, embarca de van, na manhã desta terça-feira (20), com destino a cidade de Puerto Rico, na Bolívia, a 450km de Rio Branco, capital do Acre, para promover treinamento de monitores e realizar um acampamento de futebol para jovens entre nove e 17 anos.

De acordo com o líder local dos Atletas de Cristo e coordenador do acampamento, Sender Sil, será a sexta edição da iniciativa, a primeira fora do território nacional.

– A equipe será formada lá através de um treinamento, na quinta-feira, aos monitores bolivianos que auxiliarão na realização do acampamento. Serão 40 monitores treinados para auxiliar. O objetivo do acampamento de futebol é atrair jovens entre 9 a 17 anos, por meio de uma bola, para que eles aprendam fundamentos básicos do Futebol e também o ensinamento de valores e princípios por meio da palavra de Deus. Já foram realizadas cinco edições no Brasil, todas no Acre. Esse será o 1° Acampamento Internacional dos Atletas de Cristo. O Acre e pioneiro neste trabalho – destaca.

O acampamento será desenvolvido durante dois dias, entre 23 e 24 de junho. Sender Sil considera a experiência um desafio para os realizadores.

– O acesso até a cidade de Puerto Rico é difícil acesso. Será um desafio, uma outra nação, outra cultura, mas um mesmo Deus – completa.

Atletas de Cristo do Acre

Por Duaine Rodrigues, Rio Branco, Acre

Idaf realiza ações conjuntas de fiscalização na região de fronteira

Reunião da Tríplice Fronteira em Puerto Maldonado. Desde 2010, o Idaf em parceria com o Senasag realiza um trabalho de vacinação contra a febre aftosa de forma conjunta. 

 Por Hugo Costa 

Idaf em parceria com o Senasag

O governo do Estado, por meio do Instituto de Defesa Agropecuário e Florestal do Acre (Idaf), trabalha no acompanhamento das vacinas contra aftosa realizadas pelo Servicio Nacional de Sanidad Agropecuaria e Inocuidad Alimentaria da Bolivia (Senasag). As vacinas assistidas fazem parte do acordo trinacional entre Brasil, Bolívia e Peru.

O objetivo dessa atividade conjunta é parte do cumprimento que foi pactuado na Reunião da Tríplice Fronteira em Puerto Maldonado – Peru, em março deste ano. Especialmente com relação à verificação da particularidade dos cadastros localizados a faixa de fronteira de 15 km para ambos os países.

A iniciativa também faz parte do conjunto de atividades propostas no Plano Hemisférico de Erradicação da Febre Aftosa na América do Sul (PHEFA), que tem como meta a estratégia principal de implantar progressivamente a manutenção de zonas livres da doença, de acordo com as diretrizes estabelecidas pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE).

“A ideia do trabalho é monitorar os critérios de elegibilidade das propriedades de maior risco, se são mesmo na área de fronteira, como são realizados os procedimentos de vacinação e se o dados cadastrais conferem” , afirma o gerente de defesa animal do Idaf, Mario Cesar de Araujo.

Desde 2010, o Idaf em parceria com o Senasag realiza um trabalho de vacinação contra a febre aftosa de forma conjunta. Neste ano, já foram mais de 30 vacinações assistidas na região de fronteira do Alto Acre.

“Nós acompanhamos o trabalho das defesas animal da Bolívia e Peru e eles acompanham o nosso. Com isso nos certificamos da seriedade com que o trabalho é realizado”, disse o médico veterinário e chefe do escritório do Idaf de Brasileia, Honório Pinheiro.

Ampliação das capacidades dos serviços veterinários, fortalecimento do sistema de vigilância em saúde animal e realização da transição de zona livre de febre aftosa com vacinação para sem vacinação no país, são ações conjuntas que fazem parte do acordo entre os países.

O coordenador da Defesa Animal do Senasag, Adrian Gomez ressalta: “Nosso trabalho é estabelecido em um cronograma onde trazemos a vacina para o produtor e fiscalizamos sua propriedade e vacinação”.

Acre livre da Aftosa sem vacinação

Durante a 44ª Reunião Ordinária da Comissão Sul-Americana para a Luta contra a Febre Aftosa (Cosalfa), realizada em Pirenópolis (GO), em abril de 2017 foi definido um plano para a retirada da vacinação contra a febre aftosa no Brasil até 2021 e o reconhecimento do país como livre da doença sem vacinação até 2022.

O governo federal planeja dividir o país em cinco blocos e iniciar essa nova etapa pelas regiões de menor risco. O primeiro bloco é composto por Acre e Rondônia, de onde a vacina será removida em 2019. O departamento de Pando na Bolívia também tem sua retirada programada para o mesmo ano e o Peru já é território livre da aftosa sem vacinação.

O diretor presidente do Idaf, Ronaldo Queiroz afirma “Esse esforço tem que ser em conjunto porque sozinhos não conseguiremos. Assim, não somente Acre e Pando sairão beneficiados, mas sim toda América do Sul”.

PM realiza no CEBRB a 2° oficina de conscientização sobre o uso de drogas

O evento ocorre em meio à 5ª Semana Estadual Sobre Drogas e contou com a presença da vice-governadora Nazareth Araújo.

 Por Saulo Negreiros 

Como parte do planejamento pedagógico desenvolvido nas escolas públicas do estado, o Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd) realizou nessa segunda-feira, 19, mais uma etapa do projeto “Drogas e Você #NadaAver” Colégio Estadual Barão do Rio Branco (CEBRB).

Ela prestigiou o aprimoramento educacional dos alunos que, durante as apresentações das oficinas, demonstraram civilidade e conscientização frente ao uso de drogas na elaboração dos trabalhos apresentados em sala de aula.

“Este projeto é a esperança de um trabalho que torna efetivo o combate ao uso indevido de drogas e outros problemas atuais que venham a ameaçar o desenvolvimento educacional desses adolescentes. Para isso, sempre estaremos dispostos a trabalhar visando à manutenção de crianças e adolescentes afastados da violência ou qualquer situação que os coloque em risco”, frisou a vice-governadora.

O projeto “Drogas e Você #NadaAver” já atua no Cerb desde fevereiro deste ano e compreendeu, além das oficinas sobre o uso de drogas ocorrida nesta segunda-feira, 19, a capacitação dos professores da escola sobre assuntos relativos à violência e outros problemas sociais.

“A proposta deste trabalho é levar às crianças e aos adolescentes uma filosofia sobre a conscientização do uso indevido de drogas. Neste semestre iremos trabalhar aqui, no CEBRB, mas a perspectiva é estender este trabalho a mais escolas da rede pública estadual”, disse o coordenador do projeto, o sargento Maurelando.

Sobre Drogas

Vara Cível da Comarca de Brasiléia reconhece 1º caso de multipaternidade

Decisão destaca a importância das relações afetivas nas famílias, com o reconhecimento da paternidade socioafetiva e a manutenção da paternidade biológica.

O Juízo da Vara Cível da Comarca de Brasiléia julgou procedente o pedido declaratório formulado nos autos do processo nº 0700792-75.2015.8.01.0003, reconhecendo, dessa forma, o primeiro caso de multipaternidade na sede do município. Com a decisão, o registro de nascimento de uma garota de cinco anos de idade passará a contar, além do nome do pai biológico, também com o nome do pai socioafetivo, que a “cria, educa e presta assistência moral, afetiva e material”.

No entendimento do juiz sentenciante Gustavo Sirena, titular da unidade judiciária, em razão dos incontestes vínculos afetivos estabelecidos entre as partes, impõe-se, no caso, a aplicação da chamada Teoria Tridimensional do Direito com o reconhecimento da paternidade socioafetiva e manutenção da paternidade biológica, em conformidade com as previsões da Constituição Federal de 1988 e do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA, Lei nº 8.069/1990).

Na prática, a decisão reconhece a evolução e mudanças pelas quais passam a sociedade brasileira e a importância das relações afetivas nas famílias, independentemente da existência de laços biológicos e patrimoniais, como decorrência natural do princípio da dignidade humana.

Fundamentação

A sentença considera que a convivência familiar é uma das principais características das famílias modernas, tendo como base relações nas quais o amor e o carinho são “cultivados diariamente”, independentemente de haver – ou não – liames biológicos entre seus integrantes, “contexto (em) que se verifica o surgimento do princípio implícito ao princípio da dignidade da pessoa humana, qual seja, o princípio da afetividade”.

“O que se percebe é que o vínculo biológico não é mais absoluto sobre o afetivo, originando a filiação socioafetiva, estabelecendo o predomínio dos interesses afetivos em detrimento do patrimonial, não havendo mais a hierarquia de seus membros, mas, sim, o interesse na felicidade recíproca”, assinala o texto da sentença.

O magistrado sentenciante destaca ainda a jurisprudência dos Tribunais de Justiça de São Paulo, Rio Grande do Sul e do próprio Supremo Tribunal Federal (STF) acerca do tema – inclusive com reconhecimento de Repercussão Geral por parte do último –, além da necessária aplicação, ao caso, do princípio da proteção integral da criança e do adolescente, previsto na CF/88 e no ECA, bem como da chamada Teoria Tridimensional do Direito.

“Dessa forma, (…) patente o estabelecimento da relação socioafetiva de parentalidade, já que restou inconteste a relação como pai e filha do autor para com a menor, (…) se faz necessária a aplicação da TEORIA TRIDIMENSIONAL com o reconhecimento da paternidade sócio afetiva e manutenção da paternidade biológica”, conclui a sentença.

Na sentença, o juiz de Direito Gustavo Sirena determina que, além do nome do pai socioafetivo, também sejam incluídos na averbação de nascimento da menor os nomes de seus “respectivos avós paternos, sem, contudo, excluir do registro o nome do pai biológico”.

Comarca de Brasiléia

Por GECOM – TJAC