Dupla invade casa e dispara três tiros contra homem de 39 anos

Viatura do Serviço Móvel de Urgência – SAMU, foi acionado 

unnamed-418

Uma tentativa de assalto foi registrada na noite deste domingo, 27, na Vila Manoel Marques da Cunha, localizada no KM 14 da estrada Transacreana. Dois homens armados invadiram a casa  de Francisco Virgulino Santos de Aguiar, de 39 anos, e deram três tiros contra a vitima, que foi atingida nas costas, cabeça e braço.

Após disparar os tiros, a dupla foi para um bar que fica próximo a casa de Francisco e lá assaltaram quatro pessoas, levando aparelhos celulares das vitimas.

Uma viatura do Serviço de Atendimento de Móvel de Urgência – SAMU, foi acionado e conduziu a vitima ao Pronto Socorro de Rio Branco.

Policiais Militares do 3º Batalhão estiveram no local em busca dos acusados ,que segundo informações teriam fugido a pé.

Davi Sahid Rio Branco, ac24horas 

Homem tenta assaltar e para não ser preso finge desmaio, na capital

Os policiais militares acionaram o Samu para atender o homem

unnamed-239

Na noite deste domingo, 27, um homem  identificado como João Ferreira, foi preso depois de tentar assaltar uma mulher e tentar arrastá-la para um matagal num terreno baldio, nas imediações da Rua José de Melo, próximo ao Prédio do Samu, no Bosque.

Para evitar que o meliante a levasse para o matagal, a vitima caiu no chão e gritou por socorro. O acusado soltou a vítima e correu para dentro do terreno para se esconder. A policia militar foi acionada e conseguiu localizar João que estava caído, fingindo estar desmaiado.

Os policiais militares acionaram o Samu para atender o homem, mas foi constatado que ele só estava fingindo para não ser preso.

unnamed (3)O acusado foi conduzido  para a Delegacia de Flagrantes – DEFLA, juntamente com a vitima que foi registrar um Boletim de Ocorrência.

 Davi SahidRio Branco, AC

Mãe denuncia abuso sexual sofrido por filho dentro de escola

CABIXI: mãe denuncia abuso sexual sofrido por filho de cinco anos dentro de escola

alunos-estupro-300x222A mãe de um aluno de cinco anos, que estuda na Escola Municipal “Chico Soldado”, em Cabixi, fez uma denúncia contando que seu filho foi abusado sexualmente por quatro alunos, com idades entre 11 e 13 anos, no banheiro do colégio.

Em entrevista ao Extra de Rondônia, neste sábado, 26, a dona-de-casa, que preferiu preservar seu nome visando a proteção do filho, disse que os adolescentes se aproveitam dos demais alunos indefesos para praticar o crime.

Segundo ela, a criança vinha sofrendo abuso há mais de um ano, mas só na última terça-feira, 22, teve coragem de contar o fato para a mãe.

A mãe relatou ao site que outros garotos já sofreram abusos do grupo, e que tanto no período da manhã como da tarde as crianças são sujeitas a violência sexual. “Meu filho, ao me contar, disse que era obrigado a ceder ao ato sexual e ameaçado pelos garotos se contasse para alguém”, desabafou a mãe.

De acordo com a dona-de-casa, o Conselho Tutelar, professores e direção da escola já estão cientes sobre o abuso, mas nada fizeram a respeito. A denúncia da mãe também foi registrada na delegacia de polícia e o caso está sendo investigado pelo Ministério Público.

Extra de Rondônia deixa espaço à disposição da direção da escola para eventuais esclarecimentos a respeito do caso.

Fonte: Extra de Rondônia Texto: Matias Siqueira

Foto: Ilustrativa

Homem usa motosserra para esquartejar vítima na BR-381

Assassino não soube explicar motivo do crime brutal em Itaguara, na região central de MG

Nivair da Silva escolheu vítima aleatoriamente Polícia Militar / Divulgação

Nivair da Silva escolheu vítima aleatoriamente Polícia Militar / Divulgação

A brutalidade de um assassino impressionou moradores de Itaguara, na região central de Minas, na tarde deste sábado (26). Armado com uma motosserra, um homem esquartejou uma vítima perto de uma boate de prostituição no km 566 da BR-381.

Nivair Geraldo da Silva, de 28 anos, escolheu aleatoriamente quem ia atacar e, sem motivo aparente, ligou o equipamento no braço da vítima. Alexandre da Fonseca Resende, de 29 anos, teve o braço decepado e tentou correr, mas foi perseguido e ainda teve perfurados o outro braço, as costas e o pescoço.

Nivair fugiu para uma estrada próxima, onde foi preso pela Polícia Militar. Ele estava calmo no momento da prisão e não ofereceu resistência. Em entrevista à Rádio Itatiaia, Nivair se demonstrou confuso e não conseguiu explicar o que o levou a cometer o crime.

— Parece que eu não fiz nada não. Nada. Eu não faria isso se as coisas para o meu lado não estivessem ruins. Nunca que fazia. Eu ia trabalhar e o povo não me pagava o que presta. O povo parece que tava me fazendo de bobo. Um punhado de gente, não dá para contar nos dedos.

Garotas de programa que estavam na boate tentaram socorrer Alexandre Resende, que não resistiu aos ferimentos. O caso foi registrado na delegacia de plantão em Betim, na Grande BH.

Fonte: R7

Exclusivo: Estudante é Espancada Por 5 Garotas No Acre

Estudante é covardemente espancada por 5 garotas desconhecidas quando ia pra escola.

ilustraoA noite de desta sexta-feira, 25, deverá ficar marcada pra sempre na memória de uma estudante de 17 anos, da escola municipal Guttemberg Modesto da Costa, moradora na rua Antonio Soares da Silva, bairro da Vitória. De acordo com a mesma foi abordada, agredida e ameaçada de morte sob a ponta de uma faca quando se dirigia a escola.

Cambaleando, com o uniforme cortado de faca e com marcas roxo por boa parte do corpo, a estudante foi socorrida por populares e levado ao Pronto Socorro. Na manhã de hoje, ela disse a uma colega que foi vitima de 5 garotas desconhecidas, possivelmente residentes no bairro Cristo Libertador.

Ainda segundo ela, foi humilhada e teve que implorar pra não morrer. O mais surpreendente para a família da vítima é que não há motivos para a agressão, e que ela pode ter sido confundida com outra pessoa. As agressões teriam acontecido antes de a vítima chegar à escola na noite desta sexta-feira.

A estudante é oriunda da zona rural, mais precisamente do rio Iaco. Uma amiga dela informou que a mesma veio da colônia há poucos meses para estudar.

Após as agressões, a garota ficou em estado de choque, não estava se alimentando e permanecia no quarto. Uma amiga dela que entrou em contato com a redação sena24horas, disse que o caso foi levado a delegacia de polícia civil.

Através de um torpedo,  nossa fonte informou o seguinte: “Ontem a noite uma menina ia pra escola e 5 garotas pegaram ela, em frente a uma oficina na Avenida Guanabara, bateram muito nela, cortaram sua blusa com uma faca, e ela só fica no quarto e não quer nem comer”, confessou.

Mais tarde a mesma informante enviou outra mensagem dizendo que ela já se alimentou, e seu corpo ainda tem muitas marcas de unha, e falou que não vai mais a escola, pois tem medo de uma nova agressão.

Por Adejane Pinto sena24horas.com

Indígena condenado por morte de taxista foge da prisão no ACRE

Policiais já foram destacados para recapturar o reeducando.

sergio_katukina_julgamento-280x210O indígena Sérgio Katukina, condenado a 24 anos de prisão pela morte do taxista Sérgio da Silva Vasconcelos fugiu da Unidade Penitenciária Manoel Nery da Silva. A fuga ocorreu nesta sexta-feira por volta das 14:00 da tarde.

Segundo o diretor da unidade prisional de Cruzeiro do Sul, Marquiones dos Santos, o mesmo estava trabalhando na marcenaria da unidade, quando aproveitou a ocasião para fugir do local.

“Houve um pedido da FUNAI para que concedêssemos alguns benefícios ao Sérgio, entre eles, o trabalho.“ disse Marquiones dos Santos, diretor da unidade.

“A FUNAI lamenta a fuga, pois implica na perda de benefícios. Estaremos à disposição das autoridades para auxiliar naquilo que for de nossa competência”, disse Luis Nukini, coordenador da FUNAI no Juruá.

Fonte: juruaonline.com

Polícia Civil prende bando que aterrorizava Acrelândia

Ambos são possuidores de ficha criminal extensa

Foto:acrelandianoticias.blogspot.com

Foto:acrelandianoticias.blogspot.com

A Polícia Civil do Estado do Acre, através da Delegacia-Geral de Acrelândia, distante 122 quilômetros de Rio Branco, em ação conjunta com a Polícia Militar do município, prendeu Edson Brana Damasceno, Baby-doll, 22, Sebastião Felix do Nascimento, o Sabotagem, 23, Paulo Sérgio Souza de Lima, o Bola, e apreendeu um menor de 16 anos, em flagrante na quinta-feira, 24, por homicídio.

A ação se deu após o assassinato de um adolescente, que seria ‘avião do tráfico’ ocorrido na quarta-feira, 23, nas imediações do Ramal Bengala. O quarteto, segundo a polícia, espalhava terror na zona central da cidade, esfaqueado, atirando e praticando assaltos. “Estes indivíduos viviam aterrorizando os moradores na região da praça central, sede do município”, observa o delegado José Barbosa de Moraes, responsável pela elaboração do flagrante.

Os acuados foram autuados pelos delitos de homicídio e porte ilegal de arma de fogo com numeração suprimida. Segundo informações policiais, a vítima fatal é Gledson da Conceição, que seria ‘avião do tráfico’ de um ponto de venda de droga comandado por Paulo Sérgio, mas teria traído a confiança do traficante. Revoltado, este contratou Baby-doll para matá-lo.

Baby-doll, conforme o apuratório da polícia, chamou um menor, contumaz em furto na cidade, para ajudá-lo na morte. Foi o adolescente que atirou na vítima. Mesmo caída ao chão ela recebeu de baby-doll três facadas, morrendo instantaneamente.

Baby-doll, Paulo Sérgio e Sabotagem, são ex-presidiários do sistema prisional do Acre, onde cumpriram pena por porte ilegal de arma de fogo, receptação e tráfico de droga. “Ambos são possuidores de ficha criminal extensa, agora contando também com homicídio”, sublinhou José Barbosa.

Pedro Paulo A.Contilnet

Fuga na Penal deixa 2 presos baleados, 5 recapturados e um fugitivo

Um dos presos alvejados durante tentativa de fuga no presídio

Cinco detentos conseguiram fugir, mas foram recapturados em seguida/Foto: Cedida

Cinco detentos conseguiram fugir, mas foram recapturados em seguida/Foto: Cedida

preso_alvejadoUma tentativa de fuga em massa aconteceu na manhã de sábado (26), no Presídio Francisco de Oliveira Conde, deixando dois presos feridos, após confronto com os agentes penitenciários. Seis detentos conseguiram fugir, sendo que cinco já foram recapturados, até o momento.

De acordo com Adriano Marques, presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários do Acre, a tentativa de fuga aconteceu no chamado banho de sol, ocasião em que cerca de 250 presos estavam na área aberta do pavilhão K, chamado Chapão.

Na ocasião do motim dos presos, havia apenas dois agentes penitenciários para garantir a segurança do local.

De acordo com informações, tão logo perceberam a tentativa de fuga, os agentes disparam tiros de advertência; mesmo assim, os presos continuaram investindo no objetivo de fugir.

“Isto prova o que dizemos há muito tempo. Apenas dois agentes para mais de 200 presos não resolve a situação”, declara.

As imagens foram cedidas por um agente penitenciário que não quis se ientificar com medo de represálias.

fuga2Cordas usadas pelos presos na tentativa de fuga

fuga3

Gina Menezes, Da Agência ContilNet

Homem é atacado no Conjunto São Miguel e leva terçadada na cabeça

Vítima foi socorrida pelo Samu e encaminhado ao P

Vítima foi socorrida pelo Samu e encaminhado ao PS/Foto: Selmo Melo/Agência ContilNet

Vítima foi socorrida pelo Samu e encaminhado ao PS/Foto: Selmo Melo/Agência ContilNet

Na noite desta sexta-feira (25), Jenílson Rodrigues, de 29 anos, foi atacado por um bando de homens que estavam armados com terçados e ripas. Segundo foi apurado, ele saiu da sua casa, no bairro Ílson Ribeiro, para dar umas voltas pelo Conjunto São Miguel, no Calafate.

Em um rua escura do conjunto, ele se deparou com o grupo. Jenílson levou uma terçadada na cabeça e teve uma fratura exposta na perna esquerda. Mesmo assim, ele conseguiu andar até o bairro Ílson Ribeiro, onde caiu, em uma rua.

Pouco depois, populares acionaram o Samu e ele foi encaminhado para o Pronto Socorro. A vítima afirma não saber a identidade dos homens que o atacaram porque não conseguiu ver os rostos devido à escuridão da rua.

Da Redação Da Agência ContilNet 

Funcionário do SESC comete suicídio com tiro na cabeça

Civil Clécio Luiz que estava com casamento marcado para o próximo mês deixou duas cartas: uma para a mãe e outra para a noivs

2014-04-25-suicidio-320x210

O suicídio de Clécio Luiz Abreu da Silva, 32 anos, ocorrido no final da tarde desta quinta-feira (24), dentro do banheiro de casa, localizada na rua da paz no bairro Joafra pegou parentes, amigos e vizinhos de surpresa e em deixou a todos em estado de choque.

Clécio Abreu trabalhava no Departamento Financeiro do SESC Bosque e cometeu suicídio disparando um tiro de revolver calibre 38 na própria cabeça dentro do banheiro de casa, onde deixou duas cartas endereçadas, uma a mãe com que morava e outra a noiva que estava com casamento marcado para o próximo mês.

O conteúdo das cartas que ainda estão em poder da polícia civil não foi divulgado, mas de acordo com parentes e amigos, Clécio Abreu era uma pessoa querida e amada por todos e não apresentava nenhum sintoma de depressão ou algo parecido. “Ao contrário encontrávamos no Clécio um ombro amigo, um cara com as palavras certas na hora certa que fazia questão de deixar os amigos sempre de bom humor” afirmou um colega de trabalho.

A morte de Clécio Abreu, que era economista foi divulgada nas redes sociais, antes mesmo do resgate do corpo pelo IML.

E todos aparentando surpresa se perguntavam o por que, que supostamente tenha sido respondido nas cartas deixadas a mãe e a noiva.

O corpo do economista foi resgatado por peritos do Instituto Médico Legal – IML e no período da noite liberado para velório.

Redação/Ecos da notícia