Arqueólogos recuperam 5 canhões de navio do pirata ‘Barba Negra’

Peças de artilharia estavam nos destroços do Queen Anne’s Revenge.

Membros da Guarda Costeira americana erguem um dos canhões recuperados de navio naufragado em 1718 na costa da Carolina do Norte (Foto: Karen A. Blum/NCDCR/AFP)

Membros da Guarda Costeira americana erguem um dos canhões recuperados de navio naufragado em 1718 na costa da Carolina do Norte (Foto: Karen A. Blum/NCDCR/AFP)

Cinco canhões de um navio que naufragou sob o comando do lendário pirata “Barba Negra” foram recuperados por arqueólogos americanos, confirmaram fontes oficiais nesta quarta-feira (30). Segundo funcionários do governo, essas peças de artilharia foram retiradas na segunda-feira (28) dos destroços do navio Queen Anne’s Revenge, que afundou na costa da Carolina do Norte.

Os canhões foram escavados por uma equipe vinculada ao Departamento de Recursos Culturais do estado. Quatro deles pesavam entre 900 e 1.360 quilos.

O diretor do projeto, Billy Ray Morris, disse acreditar que o maior dos canhões tenha sido feito na Suécia.

“Acreditamos que o maior canhão possa ser de origem sueca porque outro recuperado com esse tamanho era feito na Suécia”, afirmou Morris.

“Também esperamos recuperar duas grandes concreções (rochas sedimentares), cada uma com o tamanho de um beliche. Elas podem conter arcos de barril, balas de canhão e outros tesouros”, acrescentou.

Até agora, as autoridades da Carolina do Norte recuperaram cerca de 280 mil artefatos do local. “Barba Negra”, que tinha como nome verdadeiro Edward Teach, ganhou fama no início do século XVIII, quando aterrorizava os exploradores que seguiam pelas colônias do Caribe e dos EUA.

O pirata morreu em uma batalha com forças britânicas no fim de 1718. Descoberto em 1996, o navio Queen Anne’s Revenge foi encalhado de propósito no mesmo ano da morte de “Barba Negra”.

FONTE-G1 Da France Presse

Crânio deformado de mais de mil anos é encontrado na França

Deformação é intencional e associada com grupo de origem centro-asiática. 

Pesquisadora de instituto de arqueologia francês trabalha no crânio deformado (Foto: FREDERICK FLORIN / AFP)

Pesquisadora de instituto de arqueologia francês trabalha no crânio deformado (Foto: FREDERICK FLORIN / AFP)

Um levantamento arqueológico numa área da Alsácia, na França, que será destinada a instalações industriais, revelou, entre inúmeros objetos de épocas diversas, um crânio deformado em um cemitério do período merovíngio, que durou do século V ao VIII. Segundo a agência AFP, o achado é do começo desse período (século V). Trata-se da cabeça de um adolescente da elite da sociedade de origem bárbara que habitava aquela região na época.

De acordo com o Instituto Nacional de Pesquisas Arqueológicas Preventivas (Inrap, na sigla em francês), a deformação do crânio, feita intencionalmente para dar distinção social, é associada com os hunos, grupo de origem centro-asiática que se instalou na Europa. Para alterar o formato do crânio, ele é pressionado com placas fixas ao seu redor desde a infância.

Do G1, em São Paulo

Crânio deformado do século V é achado na França (Foto: FREDERICK FLORIN / AFP)

Crânio deformado do século V é achado na França (Foto: FREDERICK FLORIN / AFP)

MP acompanha cumprimento de TAC que regulariza marceneiros

Nessas cidades estão sendo construídos pólos, que terão galpões, para instalação das marcenarias.

Além de regularizar os marceneiros e preservar o meio ambiente, com esse investimento haverá geração de empregos

Além de regularizar os marceneiros e preservar o meio ambiente, com esse investimento haverá geração de empregos

O Ministério Público Estadual acompanha o cumprimento do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC), que foi firmado em 2011, entre o MPAC, a Secretaria de Desenvolvimento Florestal, Indústria, Comércio e dos Serviços Sustentáveis (Sedens) e o Instituto de Meio Ambiente do Acre (Imac), visando à regularização da atividade de marceneiro.

O TAC prevê a legalização dos empreendimentos, além do acesso à madeira legalizada. São contemplados os municípios de Tarauacá, de Cruzeiro do Sul, Feijó, Sena Madureira, Xapuri, Brasileia e Epitaciolândia.

Nessas cidades estão sendo construídos pólos, que terão galpões, para instalação das marcenarias e outras indústrias existentes. Mas até a conclusão das obras, que deve ocorrer no ano que vem, os marceneiros poderão continuar trabalhando nas áreas onde seus empreendimentos estão instalados atualmente.

Os TACs, firmados com os marceneiros, serão renovados. “O Ministério Público ficará atento, buscando a regularização dessa atividade. Além de regularizar os marceneiros e preservar o meio ambiente, com esse investimento haverá geração de empregos direitos e indiretos no município”, diz o promotor Luis Henrique Rolim, que atua em Tarauacá.

Com informações do MPE

Amazônia tem 16 mil espécies de árvores, diz pesquisador

O Dr. Marco Silveira é coautor de estudo publicado na ‘Science’

De acordo com um dos autores do estudo, Marco Silveira, doutor da Universidade Federal do Acre(Ufac)

De acordo com um dos autores do estudo, Marco Silveira, doutor da Universidade Federal do Acre(Ufac)

Estudo publicado na revista “Science”, no dia 18 deste mês, estima a quantidade de espécie de árvores da região amazônica. Foi realizado por especialistas de 120 instituições de todo o mundo, incluindo mais de 25 pesquisadores brasileiros, e traz resposta para questões sobre a diversidade amazônica. A pesquisa aconteceu na reserva extrativista Chico Mendes, no Alto Juruá e no Parque Nacional da Serra do Divisor.

De acordo com um dos autores do estudo, Marco Silveira, doutor da Universidade Federal do Acre(Ufac), só foi possível realizar o trabalho por se tratar de uma rede de pesquisa, envolvendo mais de cem pesquisadores, que há mais de dez anos levantam dados sobre a região. “A integração de dados na escala da Bacia Amazônica consiste em uma estratégia importante para o conhecimento dos padrões e processos ecológicos em torno da biodiversidade”, disse.

O estudo foi liderado por Hans Ter Steege, pesquisador do Naturalis Biodiversity Center, no sul da Holanda. Steege diz acreditar na existência de cerca de 16 mil espécies de árvores na Amazônia. “Metade de todas as árvores da região pertence a somente 227 dessas espécies. Isso é muito menos do que qualquer previsão, e realmente simplifica o nosso trabalho”, ponderou.

Segundo Silveira, esse estudo passa a ser um grande referencial para estudantes, pesquisadores e instituições florestais. Nele, é possível acompanhar informações de 1.170 levantamentos florestais, em todos os principais tipos florestais da Amazônia, para gerar a primeira estimativa de abundância, frequência e distribuição espacial em larga escala de milhares de árvores amazônicas. De acordo com o estudo, cerca de 400 bilhões de árvores integram a Bacia Amazônica e as Guianas.

“Science” é o nome de uma das mais prestigiadas revistas científicas do mundo. É publicada pela Association for the Advancement of American Science (Associação Americana para o Avanço da Ciência). Seus artigos são submetidos ao processo de revisão paritária e sua tiragem semanal é de 130 mil exemplares, além das consultas on-line, o que eleva o número estimado de leitores a 1 milhão.

 Informações do Portal da Ufac

A igreja Quadrangular convida você para participar dos cultos

Igreja do Evangelho Quadrangular 

Igreja Quadrangular

Igreja do evangelho Quadrangular

ALEMÃO MONTEIRO

A Igreja do evangelho Quadrangular que se localiza na rua Benjamin Constant número (0234) no centro da cidade de Brasiléia próximo ao Banco do Bradesco,em nome do pastor Ricardo convidamos você e sua família para participa dos culto que são realizado toda semana quarta ,sexta,sábado e domingo 

Quarta feira de Homens  e outra de mulheres hs. 19.30 culto de cura e libertação e na sexta hs. 19.30.

Aos sábado  rede de jovens do leão as hs. 19.00 culto da família  aos domingos as hs. 19.30

A igreja Quadrangular agradece e que serão muito bem vindos a casa do Senhor uma Igreja onde o milagre de Deus acontece.

MEMBROS DO MINISTÉRIO DE LOUVOR E DANÇA

MEMBROS DO MINISTÉRIO DE LOUVOR E DANÇA

OS IRMÃO EM CRISTO

OS IRMÃO EM CRISTO

IRMÃO HERLEY

IRMÃO HERLEY ALCÂNTARA

LOUVADO A DEUS

LOUVADO A DEUS

QUE DEUS ABENÇOA A TODOS DA IGREJA  QUADRANGULAR

QUE DEUS ABENÇOA A TODOS DA IGREJA QUADRANGULAR

QUE DEUS ABENÇOA A TODOS DA IGREJA  QUADRANGULAR

QUE DEUS ABENÇOA A TODOS DA IGREJA QUADRANGULAR

Noiva erra de quarto após casamento e tem sexo com padrinho

Mulher só notou o erro após o fim da prática.

A mulher afirmou que só se deu conta do erro após o término do ato

A mulher afirmou que só se deu conta do erro após o término do ato

Uma noiva se confundiu após o casamento e acabou praticando o ato sexual com um de seus padrinhos. O caso ocorreu em Guangxi, na China. 

A mulher afirmou que só se deu conta do erro após o término do ato. Segundo informações, ela acordou pela manhã logo após o casamento e se levantou para ir ao banheiro. Ao voltar acabou errando o quarto, e se deitou ao lado do homem. 

Este começou a acaricia-la, e acabaram realizando o ato. Ao descobrir que era o padrinho do casamento, a noiva se desesperou, acusando o homem de abuso. 

Ela e seu marido pediram uma indenização de pouco mais de R$ 7 mil ao rapaz, que se negou a pagar a quantia. O casal entrou com uma ação contra o padrinho, mas a Justiça considerou que ele não era culpado.

Homem fica preso em vaso sanitário ao tentar recuperar aliança

Colegas de trabalho tentaram retirá-lo mas foi preciso chamar bombeiros para libertá-lo

Sanitário, ficou com a mão presa no local e precisou de ajuda dos bombeiros para se libertar.

Sanitário, ficou com a mão presa no local e precisou de ajuda dos bombeiros para se libertar.

Zhang, morador de Quanzhou, na província de Fujian na China, foi encontrado pelos seus colegas de trabalho depois que gritou desesperado por ajuda. Eles tentaram retirar o homem da incômoda situação, jogando água com sabão, mas não obtiveram sucesso. 

Então chamaram os bombeiros que quebraram parte da alvenaria para libertar o rapaz. Ainda não se sabe se ele conseguiu recuperar a aliança de casamento.

Fonte: Daily Mail

Sanitário, ficou com a mão presa no local e precisou de ajuda dos bombeiros para se libertar.

Sanitário, ficou com a mão presa no local e precisou de ajuda dos bombeiros para se libertar.

Sanitário, ficou com a mão presa no local e precisou de ajuda dos bombeiros para se libertar.

Sanitário, ficou com a mão presa no local e precisou de ajuda dos bombeiros para se libertar.

Sanitário, ficou com a mão presa no local e precisou de ajuda dos bombeiros para se libertar.

Sanitário, ficou com a mão presa no local e precisou de ajuda dos bombeiros para se libertar.

Sanitário, ficou com a mão presa no local e precisou de ajuda dos bombeiros para se libertar.

Sanitário, ficou com a mão presa no local e precisou de ajuda dos bombeiros para se libertar.

Sanitário, ficou com a mão presa no local e precisou de ajuda dos bombeiros para se libertar.

Sanitário, ficou com a mão presa no local e precisou de ajuda dos bombeiros para se libertar.

Homem com pés gigantescos calça seu primeiro sapato aos 27 anos

Um homem que nasceu com os pés gigantes finalmente conseguiu usar um par de sapatos.

Xu Anyou

Xu Anyou

Jornal Ciência

Xu Anyou mora em Fuzhou, no leste da província chinesa de Jiangxi. Ele possui um tipo de elefantíase que provoca o alargamento de uma área do corpo, especialmente nas extremidades.

Vermes parasitas, transmitidos através de picadas de moscas, conseguem crescer até quatro centímetros de comprimento, bloqueando o sistema linfático. Isso provoca um aumento nos braços, seis, genitais e faz com que algumas áreas do corpo fiquem enormes.

Anyou viu seus pés ganharem forma desarmônica, aumentando o tamanho dia após dias. Eles se tornaram tão grandes que era impossível calçar qualquer tipo de sapato.

Ele andava no verão completamente descalço para qualquer lugar que fosse. Já no inverno, usava um tipo de protetor improvisado feito por seuirmão.

  Um gerente de uma empresa local, ao saber do sofrimento do rapaz através da imprensa e dos portais de notícia, resolveu presenteá-lo com três pares de sapatos feitos sob medida. Eles possuem 28,5 centímetros de comprimento e 22,5 centímetros de largura.

O gerente ainda se comprometeu a fornecer novos sapatos quando eles precisarem ser substituídos.

O gerente ainda se comprometeu a fornecer novos sapatos quando eles precisarem ser substituídos.

O que é esta doença?

O termo clínico é filariose linfática. A infecção ocorre quando o parasita filarial é transmitido ao homem por mosquitos. Quando um mosquito infectado pica uma pessoa, os parasitas são depositados sobre a pele. As larvas começam a perfurar e conseguem entrar no corpo.

  As larvas, em seguida, migram para o sistema linfático, onde se desenvolvem em vermes adultos. Os pacientes com elefantíase que desenvolvem linfedema ou hidrocela são aconselhados a manter rigorosa higiene e tomar as precauções necessárias para prevenir a infecção secundária que pode deixar o paciente em condições gravíssimas.

Ele andava no verão completamente descalço

Ele andava no verão completamente descalço

Ele andava no verão completamente descalço

Ele andava no verão completamente descalço

Ele andava no verão completamente descalço

Ele andava no verão completamente descalço

Denúncias De Desvios Na Igreja Mundial Derrubam Religiosos

Responsável pela administração financeira do grupo com mais de 300 mil seguidores, bispo Josival Batista foi transferido para Portugal depois de denúncias de desvios

Apostolo-valdemiro-santiago

Apostolo-valdemiro-santiago

Carismático, com o dom da oratória e improvisação e capacidade de comandar multidões, o pastor Valdemiro Santiago chamou a atenção nos cultos da Igreja Universal do Reino de Deus. Logo, fundou o seu próprio grupo religioso – a Igreja Mundial do Poder de Deus. Em 2000, a Mundial nem aparecia no Censo. Dez anos depois, tinha 315 mil seguidores, segundo o IBGE.

Sua direção, no entanto, chega a dizer que arregimenta 7 milhões de fiéis. Com sede num galpão de 43 mil metros quadrados no bairro do Brás, região central de São Paulo, a igreja tem hoje cinco mil templos. Na televisão, ocupa espaço em 22 horas de programação do Canal 21, do grupo Bandeirantes. Está presente em 18 países, entre os quais Uruguai, Argentina, Chile, México, Estados Unidos, Portugal, Suiça, África do Sul e Japão.

Mas o crescimento vertiginoso veio junto com os problemas. Hoje, a Mundial enfrenta dificuldades financeiras e tem uma dívida de R$ 21 milhões com emissoras de TV e rádio. Uma das razões teria sido o desvio de recursos da igreja, segundo informações de um seguidor da Mundial do Rio de Janeiro.

Valdemiro sempre comandou os cultos, enquanto deixava a gestão administrativa e financeira a cargo do bispo Josival Batista, o número dois na hierarquia. Por causa das denúncias, Batista foi transferido para Portugal. Mais de 100 pessoas teriam sido afastadas em áreas diversas, segundo o mesmo integrante da igreja. No YouTube, há denúncias contra dirigentes que saíram, como o bispo Marcelo Santiago (sem parentesco com Valdemiro). Em um vídeo, Edir Macedo, líder da Igreja Universal, chamou Valdemiro de “servo do demônio”.

Igreja não comentou

A direção da Igreja Mundial foi procurada, mas não comentou as denúncias de supostos desvios. Responsável pela área de TV do grupo, um dirigente identificado como Franklin disse que poderia falar na próxima semana. E não respondeu mais.

Por Brasil Econômico